Tag: whatsapp

29 jan por João Ricardo Correia Tags:, , ,

Banco do Brasil permite pagamento de IPVA pelo WhatsApp

O Banco do Brasil vai permitir que seus clientes façam o pagamento do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) e outras taxas cobradas pelo Detran, diretamente pelo WhatsApp. A transação passou a fazer parte do rol de serviços de atendimento a clientes do banco por meio do aplicativo de mensagens instantâneas.

Para efetuar o pagamento do IPVA e outras taxas, incluindo multas de trânsito, o cliente do banco deve informar o código do Renavam, a placa do veículo e o CPF do proprietário. A utilização do WhatsApp como um canal de atendimento do BB requer o cadastramento prévio do telefone do cliente em suas informações cadastrais registradas no banco.

A operação, por enquanto, só está disponível nos estados do Maranhão, Pernambuco, Rio Grande do Sul e no Distrito Federal. Nos demais estados, o uso do WhatsApp deverá estar disponível nos próximos meses, após a adequação de sistemas das secretarias de Fazenda com a tecnologia do banco, informou a assessoria da instituição.

1 set por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

“Vítima da sociedade” recebe “conselhos” após assaltar passageiros de alternativo

Passageiros de um veículo de transporte alternativo deram umas "alisadas" no vagabundo que fez um "arrastão" no veículo, mas não esperava a reação de algumas das vítimas. Informações extraoficiais dão conta que o episódio aconteceu na linha que faz Nísia Floresta - Natal, mas não há confirmação. Veja a "vítima da sociedade" sendo "aconselhada". O vídeo circula em grupos de WhatsApp. [video width="640" height="352" mp4="https://www.companhiadanoticia.com.br/wp-content/uploads/2018/09/NISIA_FLORESTA_BANDIDO.mp4"][/video]  
19 jul por João Ricardo Correia Tags:

Juíza multa parte, advogado e testemunha por combinarem mentiras pelo WhatsApp

  Cliente e advogado respondem por litigância de má-fé se agem em conjunto para induzir a Justiça a erro, combinando versões falsas pelo aplicativo WhatsApp. Assim entendeu a juíza Cinara Raquel Roso, da 13ª Vara do Trabalho de São Paulo, ao determinar que um trabalhador e sua defesa paguem solidariamente R$ 4 mil por descreverem vínculo de emprego e jornada de trabalho “muito superiores à realidade”. A juíza baseou-se em textos e áudios trocados pelo celular entre vários funcionários de uma empresa responsável por instalações de telefonia — anexados no processo depois que um participante do grupo contou o caso à direção. Segundo ela, as mensagens sugerem que o advogado pagava R$ 1 mil a quem ajuizasse reclamação trabalhista contra a companhia e empresas contratantes de serviços terceirizados.
27 jun por João Ricardo Correia Tags:, ,

PM pode acessar WhatsApp de preso mesmo sem ordem judicial

Para o Tribunal de Justiça de Mato Grosso, o fato de haver autorização para interceptação telefônica de um investigado permite que os policiais que o prenderam mexam em seu telefone celular e acessem suas mensagens no WhatsApp. O entendimento foi aplicado no caso de um homem preso em flagrante, investigado por homicídio qualificado e porte ilegal de arma de fogo. Saiba mais: http://www.conjur.com.br/2017-jun-27/pm-acessar-whatsapp-preso-mesmo-ordem-tj-mt
5 nov por João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Juiz usa WhatsApp para autorizar preso a fazer prova do Enem

29-whatsapp Em Pará de Minas (MG), o juiz Pedro Câmara Raposo Lopes autorizou, pelo aplicativo de troca de mensagens WhatsApp, um preso a fazer as provas do Enem, que são aplicadas nesse fim de semana. Em sua decisão, proferida no plantão, o magistrado salientou que "a dolorosa vicissitude da vida pela qual passa o cidadão provisoriamente privado de sua liberdade não pode servir de empeço para que planejo seu futuro de forma mais digna.  E que sirva de exemplo para tantos jovens deste país que fraquejam diante de pequenas dificuldades.  Todo homem é maior que seu erro." Ao final da decisão, o magistrado desejou boa sorte ao detento (que foi condenado a mais de 40 anos de prisão, e já cumpriu 11) e determinou que a decisão pelo aplicativo valesse como salvo-conduto (documento que permite que o preso possa transitar fora dos muros da penitenciária sem que seja recapturado). Fonte: Consultor Jurídico Com informações da Assessoria de Imprensa do TJ-MG
9 abr por Henrique Goes Tags:, ,

WHATSAPP NEGA QUE SERÁ INCORPORADA PELO GOOGLE

Depois de todo aquele burburinho acerca da venda do Whatsapp ao Google pela bagatela de US$ 1 bilhão, um executo da Whats negou tal transação comercial. [caption id="" align="aligncenter" width="480"]Google Whatsapp Imagem de internet[/caption]   O chefe de desenvolvimento de negócios, Neeraj Arora, Em conversa com o AllThingsD, ,afirmou com veemência que a informação divulgada pela Digital Trends não procede. O tempo é o senhor da razão...vamos esperar pra ver!   Com informações do Olhar Digital
7 fev por Henrique Goes Tags:, , ,

TEM GENTE GANHANDO DINHEIRO USANDO APP DE MENSAGENS

Quando deixar de gastar não é suficiente e o bom mesmo é ganhar dinheiro enviando mensagens pelo seu gadget. É isso que tem proposto a empresa espanhola Chad2win, que paga até 25 euros para quem atingir uma meta de 800 clicks nos anúncios publicitários associados ao serviço. [caption id="attachment_3072" align="aligncenter" width="480"]243a0bed6c259141b50ec42aca4b29aa Será o fim do reinado do Whatsapp?
Imagem de internet[/caption] O esquema funciona da seguinte maneira: o usuário baixa o aplicativo de mensagem, se submete a interagir com as propagandas através de clicks. O serviço está restrito ao país ibérico. Será que alguém vai investir neste modelo em terras brasileiras? Funciona? Só o tempo dirá. Com informações do Olhar Digital
21 dez por admin Tags:, ,

WHATSAPP

O WhatsApp está disponível “na faixa” para quem tem iPhone. A empresa que desenvolveu o aplicativo confirma a isenção por tempo determinado, mas não revelou o prazo de validade do mimo para os amantes do smart da Apple. O app custava cerca de R$ 2 para quem é cliente do sistema operacional da empresa. Enquanto que no Android ele é gratuito durante um ano.  
× Fale no ZAP