Tag: smartphones

31 maio por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Preços dos smartphones devem cair 6,3% em 2014

Boa notícia para quem deseja comprar smartphones. Esses aparelhos devem se tornar ainda mais acessíveis, segundo levantamento da consultoria IDC. A empresa prevê, de acordo com informações do Olhar Digital,  que o valor médio do celular pode cair 6,3% em relação ao verificado em 2013. A média deve cair de US$ 335 no ano passado contra US$ 314 neste ano. Na previsão da consultoria, em quatro anos, o valor deve ser ainda menor. Em 2018, a média deve chegar a US$ 267. E a empresa vê também um aumento na qualidade dos aparelhos de baixo custo, citando como exemplo o Moto E, que atende necessidades básicas com qualidade. O Android, ainda de acordo com a pesquisa, deve continuar como um sistema do “povão”. Atualmente, o preço médio pago por um celular com o sistema do Google está em US$ 254, mas deve cair para US$ 215 até 2018. Já a Apple continuará sendo “da elite”, mas o preço também pode cair: de US$ 657 em média atualmente para US$ 604 em quatro anos.
2 set por Henrique Goes Tags:, ,

Cerca de dois mil carteiros usam smartphones para atualizar informações de entregas no país

Cerca de 2 mil profissionais de todo o país já estão utilizando smartphones para atualizar em tempo real as informações sobre a entrega de encomendas. Na primeira fase, os equipamentos são usados para o serviço Sedex 10, mas a previsão é que a ferramenta seja utilizada para os demais serviços de entrega registrada. [caption id="attachment_15148" align="aligncenter" width="480"]correios2 Imagem de internet[/caption] Com o uso do aplicativo pelo carteiro, o cliente tem informações na internet no exato momento em que a entrega ocorre. Atualmente, essa atualização só é feita ao fim do dia, quando o carteiro retorna para a central de entrega. A mudança também deverá gerar economia de papel, já que a lista de entregas do dia será disponibilizada no próprio smartphone. A nova tecnologia também agiliza o trabalho. Ramos diz que antes levava cerca de 40 minutos para fazer a prestação de contas da entrega das encomendas, processo que agora leva um minuto. “Antigamente, a gente chegava aqui nos Correios, tinha que aguardar em uma fila para fazer uma prestação de contas. Alguém organizava a fila, pegava de um em um e ia dando baixa manualmente. Hoje não, a gente chega, a gente mesmo dá baixa e não precisa de ajuda de ninguém”, explica. Os smartphones utilizados pelos carteiros têm um mecanismo de segurança que bloqueia remotamente seu funcionamento em caso de furto ou roubo. Os carteiros receberam um treinamento para usar os equipamentos. Mas, na avaliação de Santos, não foi difícil aprender. “Foi muito fácil, não tem segredo não”. Os carteiros estão usando o sistema nos 14 estados onde o Sedex 10 está disponível: Goiás, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Pernambuco, Piauí, Bahia, Mato Grosso do Sul, Ceará e Espírito Santo, além do Distrito Federal. A segunda fase do projeto, em processo de contratação, prevê a utilização da ferramenta para os demais serviços de entrega sob registro. Os serviços de telefonia celular (voz e dados) e aparelhos de smartphones em sistema de comodato foram contratados por meio de pregão eletrônico. A previsão dos Correios é investir R$ 3 milhões até o fim do ano com a implantação de sistemas, a compra de softwares e tecnologia da informação e o treinamento de funcionários.   Fonte: Agência Brasil
28 jan por Henrique Goes Tags:, , , ,

SAIBA COMO LOCALIZAR SEU SMART OU TABLET EM CASO DE ROUBO OU PERDA

Se você teve seu smartphone ou tablete perdido ou até mesmo roubado, há esperança de recuperá-lo. Basta acionar o sistema de geolocalização que alguns aparelhos oferecem. [caption id="attachment_2294" align="aligncenter" width="480"]ipad_mini_preto_a_1 Divulgação[/caption]   O serviço funciona a partir de um aplicativo instalado no aparelho, o GPS do telefone ou tablet fica sempre pronto para ser localizado. Através de um site, que pode ser acessado em qualquer outro dispositivo, até mesmo em outro smartphone, você faz o "login" e recebe a posição exata do aparelho. Não existe muito segredo, a única diferença da navegação por GPS é o acesso remoto. Hoje existem aplicativos de localização remota disponíveis para praticamente todas as plataformas. No entanto, todos esses serviços só funcionam com o aparelho ligado. Os apps ainda enviam mensagens de alerta, disparam alarmes e até oferecem a possibilidade de apagar todo o conteúdo do aparelho. Existem até o que habilita a câmera e fotografa quem usar indevidamente o seu gadget. DICAS DE APPS: GadgetTrack: permite localizar notebooks e smartphones perdidos ou roubados pela internet. Com ele é possível receber atualizações constantes sobre o paradeiro de seu gadget. Ele possui versões para Windows, Mac, BlackBerry, Android e iOS. iHound: pode servir tanto para localizar um dispositivo iOS ou Android perdido, como também informar o usuário sobre a localização de algum familiar ou colega. Prey: dispositivo anti-furto gratuito e de código aberto compatível com Windows, Mac, Linux, iOS e Android. Ele envia relatórios imagens e dados de uso do computador roubado. Entre os dados disponíveis estão a localização do aparelho (rastreado por GPS ou Wi-Fi), screenshot, foto da câmera, informações sobre a rede e programas executados. Buscar Meu iPhone: é o app oficial da Apple para encontrar iPhones 4, Ipads ou iPods touch de 4a geração. Ao baixar o aplicativo, o usuário deve iniciar uma sessão com seu ID Apple e ativar o serviço. Caso ele perca o celular, basta instalar o app em outro dispositivo com iOS e iniciar a sessão com sua ID da Apple, ou é possível acessar pelo site.   Com informações do Olhar Digital e Info
5 jan por Henrique Goes Tags:, ,

YOUTUBE 3.0

  [caption id="attachment_388" align="aligncenter" width="300"]td_youtube_num_iphone Foto: internet[/caption] Quando a gente pensa que viu tudo no mundo high-tech, cabeças "abençoadas" trazem ao nosso cotidiano algumas inovações. A da vez é o que poderíamos chamar de YouTube 3.0; uma nova maneira de utilizar o serviço de vídeos utilizando  smartphones como controles remotos de tvs. É bem verdade que os assinantes da Google Tv já tinham disponíveis esse recurso. Mas a boa notícia é que o YT ampliou a prestação do serviço. Com a expansão, o dono de um smartphone que rode o sistema operacional Android e tenha atualizada a versão do app YouTube  poderá acessar seus vídeos na televisão usando o celular como controle. Mas atenção: para usufruir deste recurso, é necessário possuir uma smartTV e ter conexão à internet Wi-Fi, uma vez que será preciso fazer um pareamento entre os dispositivos através da net sem fio. A expectativa do YouTube é que até o final deste ano todas as grandes marcas de telefones móveis tenham aderido ao serviço.   Com informações do Olhar Digital
× Fale no ZAP