Tag: Quadrilha

2 jan por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Operação Express: MPF denuncia quadrilha que roubava agências e caminhões dos Correios

O Ministério Público Federal (MPF) apresentou denúncia contra 11 integrantes de uma quadrilha responsável por, pelo menos, 14 roubos no Rio Grande do Norte, entre março e setembro de 2018. Os réus incluem uma mulher e 10 homens, dos quais sete se encontram presos e três foragidos da Justiça. A ação penal trata de parte dos crimes cometidos pelo grupo e descobertos pela chamada “Operação Express” (deflagrada em novembro), que apurou a atuação da organização criminosa no assalto a caminhões de mercadorias e a agências dos Correios. A quadrilha teria participado de 11 roubos a caminhões da empresa e três a agências (Serrinha, Várzea e Boa Saúde). Os assaltos aos veículos dos Correios ocorreram principalmente em rodovias, dentro de municípios como Parnamirim, Macaíba, Santa Maria, Riachuelo, Goianinha, Bom Jesus e Sagi e os produtos subtraídos eram comercializados pelos comparsas. Formação Os denunciados são Jadenilson Pereira Matias de Sousa, conhecido por “Jade” (atualmente custodiado na Penitenciária Estadual de Parnamirim - PEP) Eric Dias do Nascimento, o “Mago Eric” ou “Gambiarra” (custodiado na Penitenciária Estadual Rogério Coutinho Madruga); Gabriel Lucas Félix Barbosa (atualmente no Complexo Penal João Chaves); Maxwell Siqueira Gomes, o “TX” (custodiado na PEP); Ronald Felipe de Andrade Lunardo (foragido); Também integravam o grupo Diogo Carlos da Silva Juvino (custodiado na PEP); Judson Bezerra Araújo Batitas, o “Bebezão” (no Complexo Penal João Chaves); Jackson Firmino Lira da Silva, o “Catita”; (custodiado na PEP); Matheus Gleydson Resende da Silva, o “Têu” (foragido); João Paulo de Queiroz Rodrigues, o “JP” (também foragido); e ainda Danielle Gomes de Lima.
25 out por João Ricardo Correia Tags:, , , , , ,

Quadrilha que fraudava boletos bancários é alvo de operação da PF

Uma quadrilha que fraudava boletos para enganar clientes de bancos é alvo de uma operação da Polícia Federal (PF) nesta quinta-feira (25). A PF estima que o grupo tenha desviado R$ 2 milhões. De acordo com a PF, a investigação teve início a partir da identificação, pela Caixa, de esquema criminoso que alterava dados de boletos emitidos pela instituição financeira. “As alterações de dados teriam como intuito o redirecionamento à organização criminosa da quantia objeto de pagamento pelo devedor, em prejuízo ao real credor do boleto, à Caixa Econômica Federal e ao próprio autor do pagamento”. Mais de 30 policiais cumprem desde o começo da manhã de hoje mandados de busca e apreensão em endereços nas cidades de Pontes e Lacerda e Cuiabá, em Mato Grosso; e Goiânia, em Goiás. Os mandados foram expedidos pela 2ª Vara da Justiça Federal de Cáceres, em Mato Grosso. Por Aécio Amado – Repórter da Agência Brasil / Brasília
5 set por João Ricardo Correia Tags:, , , , , ,

Operação das Polícias Civil e Militar prende sete e apreende quase um quilo de droga

Uma equipe de policiais civis da Delegacia Regional de Polícia (DRP) de Caicó e de policiais militares de Caicó deflagraram, na segunda-feira (04), uma operação com o objetivo de combater o tráfico de drogas na cidade. Os policiais deram cumprimento a quatro mandados de busca e apreensão, todos no Walfredo Gurgel, e dois mandados de prisão preventiva contra Hélio de Ângelis dos Santos e Joélio Carlos da Silva. No momento da prisão de Joélio Carlos, realizada em uma residência, também foram presas em flagrante outras cinco pessoas que estavam no local. Foram apreendidos na residência cocaína, maconha e crack, totalizando uma quantidade de quase um quilo de drogas, uma espingarda Winchester calibre .44, duas balanças de precisão, dinheiro fracionado e dois coletes balísticos. Foras presos na ocasião, além de Joélio Carlos, Vanildo Alexandre dos Santos, Andrielio Roges Soares Santos, Antônio Roberto Alves de Oliveira, Érica Raiane da Silva e Clarazete Fernandes. A equipe policial apreendeu em outro imóvel cinco munições calibre .38, sendo quatro deflagradas e uma intacta. A Operação é uma resposta policial contra o tráfico de drogas na região, outras ações em conjunto das polícias civil e militar terão continuidade para combater a prática deste tipo de crime. Os presos foram encaminhados ao sistema prisional onde aguardam a decisão da Justiça.   Fonte: Assessoria de Imprensa da Polícia Civil do RN (Degepol)
29 jun por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

PF desarticula quadrilha que vendia duas toneladas de cocaína por mês

PF3 Uma organização criminosa de tráfico de drogas e lavagem de dinheiro, responsável pelo ingresso no Brasil de duas toneladas de cocaína por mês, foi desarticulada hoje (29) pela Polícia Federal durante a Operação Quijarro. Os traficantes atuavam no Paraná, Mato Grosso do Sul e São Paulo. Cerca de 150 policiais cumprem 81 mandados judiciais, sendo 14 de prisão preventiva, 17 de busca e apreensão em imóveis, 43 de busca e apreensão de veículos e sete de condução coercitiva nas cidades de Londrina e Araucária(PR), Corumbá(MS), Martinópolis, Presidente Prudente, em São Paulo, e na capital paulista.
3 dez por João Ricardo Correia Tags:, , , , , ,

Quadrilha é presa após roubar 23 mil reais de agência do BB

ARMASQUADRILHABB1_DEGEPOL A quadrilha que assaltou a agência do Banco do Brasil localizada no cruzamento das avenidas Prudente de Morais e Amintas Barros, na zona Sul de Natal, foi presa em flagrante na manhã desta quinta-feira (3). O grupo roubou aproximadamente 23 mil reais. Foram presos: Wellington Ferraz, Cleyson Oliveira de Santana, Deyvson Cleyton Pessoa da Silva e Fábio Francisco dos Santos. A ação criminosa aconteceu no início da manhã de hoje, quando a quadrilha usou armamento para forçar a entrada na agência, que se quer havia sido aberta para atendimento ao público. Rendendo os funcionários e em posse das armas dos seguranças do banco, os ladrões, armados e usando coletes à prova de bala, roubaram os malotes de dinheiro. Avisados sobre o assalto, policias militares empreenderam perseguição à quadrilha, que usava um carro roubado para fugir.  Durante a perseguição, houve troca de tiros, que feriu o acusado Wellington Ferraz e um acidente com o carro usado pelos assaltantes. Outros dois assaltantes, Cleyson Oliveira e Deyvson Cleyton, foram presos, um deles tentando fugir em um táxi. Os acusados Cleyson e Deyvson foram conduzidos à Delegacia Especializada em Furtos e Roubos (DEFUR), enquanto Wellington foi encaminhado para atendimento hospitalar. Com o grupo os policias apreenderam seis armas, diversas munições, quatro coletes balísticos, os malotes de dinheiro e o montante no valor de R$ 22.995,00. Durante os procedimentos de autuação dos acusados, foi recebida uma denuncia de que Fábio Francisco dos Santos se encontrava escondido em uma residência, localizada no bairro de Lagoa Nova, nas proximidades do assalto. A equipe policial se dirigiu ao local e efetuou a prisão do quarto integrante da quadrilha, que não ofereceu resistência. De acordo com informações policiais, a quadrilha de assaltantes é de Pernambuco e estava hospedada em um hotel em Natal apenas para realizar o assalto. Há, inclusive, suspeitas de que o grupo tenha praticado crimes semelhantes, como o mesmo tipo de atuação operacional, no seu estado, o que já vem sendo apurado junto a Polícia Civil de Pernambuco.   Com informações da Assessoria de Imprensa da Polícia Civil do RN - (Degepol)
26 set por João Ricardo Correia Tags:, , , , , ,

Operação “Mercenários”: Polícia Civil prende grupo envolvido em esquema de roubo de veículos

[caption id="attachment_29075" align="aligncenter" width="394"]ATANAZIOEADSONKEPLER Delegados Atanázio Gomes e Adson Kepler[/caption] A equipe de policiais civis da Delegacia Especializada em Defesa da Propriedade de Veículos e Cargas (Deprov) deflagrou na manhã desta sexta-feira (26) a Operação “Mercenários”. O objetivo da ação policial foi efetuar a prisão de uma quadrilha especializada em roubo, furto e receptação de veículos automotores, o grupo também agia falsificando documentos para adulteração de veículos e cartas de habilitação. As investigações que culminaram com a deflagração da operação tiveram início no mês de maio deste ano. Sete pessoas envolvidas no esquema foram presas, todas por força de mandado de prisão temporária: Anderson Luiz Almeida da Silva, vulgo “Ganso”, Arikson Moises, vulgo “Cegonha”, Magno Rodrigues Oliveira, Renato Luidi Soares, Frankson Onildo Nobre, Genilson Souza Araujo e Renata Costa Soares. Ganso e Cegonha eram os líderes da quadrilha, eles ficavam responsáveis por fazer a receptação e adulteração dos veículos, os demais membros trabalhavam na confecção de documentos falsos. Renata Costa é, inclusive, funcionária pública cedida ao Instituto Técnico-Científico de Polícia (ITEP). As investigações deram conta de que Renata agia fornecendo espelhos dos documentos que seriam falsificados pela quadrilha por aproximadamente R$800 cada um. Na residência de Frankson Onildo foram encontrados diversos materiais utilizados para fazer a falsificação de documentos tais como: computadores, impressoras e espelhos de documentos. Ele foi autuado em flagrante por falsificação de documento público. Também foram apreendidos com a quadrilha 03 carros e 01 moto. A Operação “Mercenários” foi coordenada pelos delegados Atanázio Gomes e Guthemberg Leite, da Deprov, e contou com o apoio da Defur, Deicor, Dehom, Deatur, Deprema, Decap, 2ª e 5ª DP, através de 50 policiais civis destas delegacias.   Fonte: Assessoria de Imprensa da Polícia Civil do RN (Degepol)
× Fale no ZAP