Tag: Polícia Civil

18 fev por João Ricardo Correia Tags:, , ,

Reunião na Polícia Civil traça diretrizes de ações afirmativas para o mês da mulher

A delegada-geral da Polícia Civil do RN, Ana Cláudia Saraiva, promoveu reunião na tarde desta segunda-feira (18), com representantes da Secretaria de Políticas Públicas para as Mulheres (SPM), da Coordenadoria da Defesa da Mulher e das Minorias (CODIMM), das delegadas das Delegacias Especializadas Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher (DEAM) das Zona Sul e Norte de Natal e de Parmamirim. No encontro, foram discutidas ações que serão feitas pela Polícia Civil em alusão ao 08 de março, Dia Internacional da Mulher.

Participaram da reunião a delegada Maria do Carmo Macedo; a delegada Dulcineia Costa; a delegada titular da DEAM Zona Sul, Ana Paula Pinheiro; a delegada-adjunta da DEAM Zona Sul, Helena Cristina Aguiar; a delegada da DEAM Zona Norte, Ana Alexandrina; a delegada da DEAM Parnamirim, Luana Pessoa; a coordenadora da CODIMM, Margareth Gondim; a sub-secretária da SPM, Carla Tatiane e a coordenadora de políticas para mulheres da SPM, Ivanete Oliveira dos Santos.

Com informações da Ass. de Imprensa da Polícia Civil (Degepol)

8 fev por João Ricardo Correia Tags:,

Polícia Civil e Semurb interditam bares em Ponta Negra

Ação de policiais civis da Delegacia Especializada em Proteção ao Meio Ambiente (Deprema), em conjunto com agentes da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo, resultou na interdição de três bares no bairro de Ponta Negra, zona Sul de Natal, nesta quinta-feira (07) à noite. As equipes chegaram ao local após denúncias de moradores, que alegavam poluição sonora.

Os policiais civis e os agentes da Semurb estiveram nos estabelecimentos realizando monitoramento, momento em que constataram que o ruído emitido pelos eventos de música ao vivo apresentaram volumes superiores ao estabelecido pelas normas legais.

Após os monitoramentos de ruído, os agentes abordaram os proprietários dos respectivos bares, que tomaram ciência do cometimento de crime ambiental nos termos da Lei 9.605/1998. O procedimento criminal instaurado na Deprema e que será posteriormente encaminhado à Justiça, resultou em multa e interdição dos estabelecimentos, desde a quinta-feira (07), por descumprimento do artigo 84 da Lei Municipal 4.100/1992. Tal lei obriga o tratamento acústico de bares e estabelecimentos de diversão noturna em Natal. As multas aplicadas pelos fiscais da Semurb variam de R$ 390,00 e podem chegar a R$ 2.007,00.

Fonte: Assessoria de Comunicação da Polícia Civil

30 jan por João Ricardo Correia Tags:, , ,

Polícia Civil resgata 40 gatos que viviam em gaiolas na zona Norte de Natal

Policiais civis da Delegacia Especializada em Proteção ao Meio Ambiente (Deprema) resgataram 40 gatos que viviam em gaiolas, na manhã desta quarta-feira (30). Os animais que sofriam maus-tratos estavam em uma casa, no bairro Potengi, zona Norte de Natal.

A Polícia Civil chegou ao local após o recebimento de denúncias anônimas. Os responsáveis pela guarda dos animais serão ouvidos em inquérito policial que será instaurado pela Deprema. Os gatos resgatados foram levados ao Lar Amora Brayan, abrigo temporário de animais, passarão por avaliação veterinária e serão encaminhados para adoção.

Com informações da Assessoria de Comunicação da Polícia Civil RN

30 jan por João Ricardo Correia Tags:, , ,

Presidente de Sindicato critica modelo de plantões de Delegacias da Mulher

Delegada Raquel Kobashi Gallinati

Uma das promessas de campanha de João Doria (PSDB), governador de São Paulo, é a implementação de Delegacias de Defesa da Mulher com plantões 24 horas. Depois de um vaivém de anúncios e decisões, o político disse, na quinta-feira (23/1), que pelo menos três delegacias da mulher (DDMs, no jargão policial) ficarão abertas ininterruptamente até o final de fevereiro de 2019.

Na prática, porém, a falta de técnica e o cunho eleitoreiro da medida acabam promovendo ainda mais violência contra as mulheres, avalia a delegada da Polícia Civil de SP Raquel Kobashi Gallinati, presidente do SindPesp, o sindicato paulista de delegados de polícia.

A Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, por sua vez, afirma que a ampliação se dará "sem qualquer prejuízo ao acolhimento às vítimas ou aos profissionais em atuação nessas unidades" (leia a íntegra da nota no final do texto).

24 jan por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Polícia Civil reconhece erro e solta rapaz preso por engano

O jovem Leonardo Nascimento dos Santos, que havia sido preso por engano pela suspeita do assassinato de outro jovem, Matheus Lessa, foi solto no início da madrugada de hoje (24) do presídio de Benfica, na zona norte do Rio de Janeiro. Segundo a Secretaria Estadual de Administração Penitenciária, ele deixou a unidade à 0h15. Ele estava preso há uma semana depois que testemunhas o apontaram como autor do homicídio.

A família de Leonardo, no entanto, não aceitou a prisão e afirmou que ele estava em casa na hora do crime. Uma câmera em sua rua mostrava que ele chegou em casa antes do homicídio.

Inicialmente, a Polícia Civil não aceitou a defesa dos familiares e manteve o jovem como suspeito. Mas ontem (23), depois de prender outro homem, que confessou o crime, a polícia pediu a soltura de Leonardo e reconheceu o erro.

Matheus Lessa foi assassinado na noite de 15 de janeiro deste ano, durante uma tentativa de assalto ao mercado da família. O jovem estudante de psicologia tentou defender a mãe e foi baleado.

Por Vitor Abdala - Repórter da Agência Brasil / Rio de Janeiro

27 dez por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Polícia Civil: Robinson Faria propõe não pagar a aposentados e pensionistas e greve continua

[caption id="attachment_55768" align="aligncenter" width="675"] Em campanha, Robinson recorreu até a Lula, que pediu votos para ele governar o RN[/caption] O governador do Rio Grande do Norte, Robinson Faria, reprovado nas urnas em outubro passado, faltando quatro dias para encerrar o mandato, tentou deixar aposentados e pensionistas de fora do pagamento do 13º salário de 2017. Isso mesmo: de 2017! O pai do deputado federal Fábio Faria não somente provocou a continuação da greve dos agentes e escrivães, como também terminou fazendo com que os delegados aderissem ao movimento. Os policiais civis e servidores da Segurança decidiram, no final da manhã desta quinta-feira (27), continuar a Operação Zero. As categorias não aceitaram a proposta apresentada pelo Governo do Estado de deixar os aposentados sem receber o 13° salário. A Operação Zero foi deflagrada pelos policiais civis e servidores da Sesed nesta quarta-feira (26). Em todo o Estado, as unidades da Polícia Civil foram fechadas. Na Grande Natal, as categorias se concentram na Central de Flagrantes. No interior, os Agentes e Escrivães estão concentrados nas delegacias regionais. Nilton Arruda, presidente do SINPOL-RN, explica que o Sindicato foi chamado para uma reunião na Secretaria de Segurança, na manhã desta quinta-feira. "Infelizmente, não é o desejo dos policiais civis e servidores da Segurança continuar com o movimento, mas por culpa do Governo somos obrigados a lutar pelo nosso direito mais básico que é o salário em dia", disse. "Mais uma vez, o governador mostrou desrespeito ao anunciar o pagamento do 13° de 2017 apenas para os servidores da ativa, deixando os aposentados e pensionistas sem receber. Nós não aceitamos por entender que não é justo fazer essas discriminação, assim como não é justo pagar apenas aos policias militares em detrimento aos demais operadores da Segurança Pública", acrescentou o presidente. Com informações do SINPOL RN
26 dez por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Futura chefe da Polícia Civil vai precisar de habilidade para “segurar” a categoria

A futura chefe da Polícia Civil do Rio Grande do Norte, delegada Ana Cláudia Saraiva Gomes (FOTO), sempre demonstrou desenvoltura para o diálogo e circula bem no meio político. Essas duas qualidades foram evidenciadas recentemente, quando ela presidiu a Adepol, Associação que representa sua categoria. Mas a partir do próximo mês, como se diz popularmente, "o buraco é mais embaixo": além da falta de estrutura e da defasagem de pessoal, encontrará profissionais revoltados e desacreditados nas promessas de gestores como Robinson Faria, governador que termina o mandato dia 31 próximo, deixando milhares de pais e mães de famílias com salários atrasados. Agentes, escrivães e delegados de Polícia Civil vivem a expectativa de como será a gestão de Fátima Bezerra, revelada no movimento sindical, que foi deputada estadual, deputada federal, ainda ocupa o cargo de senadora e foi eleita governadora do RN. Teoricamente, a futura chefe do Executivo Estadual deve ser preparada para conviver com protestos e outros movimentos de servidores, uma vez que ganhou notoriedade também por liderar diversas greves. Saber se Ana Cláudia terá habilidade para intermediar os interesses da gestão petista junto aos "companheiros" da Polícia Civil é uma questão de tempo. A categoria, segundo fontes deste informativo, estaria dando crédito à futura líder, no entanto, depois dos últimos quatro anos de arrocho, não estaria disposta a esperar muito para poder voltar a receber os salários em dia e ver investimento, principalmente na qualificação profissional. Por João Ricardo Correia  
6 dez por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Polícia faz operação contra lavagem de dinheiro em escola de samba

Policiais civis cumprem hoje (6) 11 mandados de busca e apreensão contra integrantes da escola de samba Acadêmicos do Grande Rio, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. Os agentes investigam, junto com integrantes do Ministério Público do Rio de Janeiro, um grupo suspeito de atuar na exploração ilegal de jogos na região e na prática de lavagem de dinheiro. Segundo a Polícia Civil, os alvos da operação são o presidente de honra da Grande Rio, Antônio Jaider Soares da Silva, e mais quatro suspeitos, Leandro Jaider Soares da Silva, Dagoberto Alves Lourenço, Paulo Henrique Melo Rufino e Yuri Reis Soares. Além da busca e apreensão, estão sendo cumpridos o bloqueio e sequestro de bens dos investigados no valor de R$ 20 milhões. As equipes também estão fazendo buscas na quadra da Escola de Samba Grande Rio, em Duque de Caxias, e no seu barracão, na Cidade do Samba, no centro da cidade do Rio de Janeiro. De acordo com as investigações, Antônio Jaider é apontado como chefe da organização criminosa, sendo responsável por controlar a exploração de jogos de azar em Duque de Caxias. Ele também figura como sócio de empresas ao lado do filho, Yuri Soares Reis, e do sobrinho, Leandro Jaider Soares da Silva. Os dois são investigados como braços operacionais da quadrilha na operação de lavagem de capitais e no controle financeiro da organização.
23 nov por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Operação Pecado Original prende 34 integrantes de facção criminosa

Uma investigação conduzida pela Delegacia de Polícia Civil de Caicó(RN) resultou na deflagração da Operação Pecado Original com o intuito de prender integrantes de uma facção criminosa, na manhã desta sexta-feira (23), em diversas cidades da região do Seridó. Durante a Operação, que teve a coordenação da Diretoria de Polícia Civil do Interior (DPCIN) e o apoio de outras equipes da Polícia Civil e da Polícia Militar, foram efetivadas as prisões de 34 investigados, mediante o cumprimento de mandados de prisão temporária e preventiva. Um adolescente também foi apreendido. Entre os 34 presos, 11 são mulheres e 23 são homens. Das 34 prisões efetivadas, 12 delas foram cumpridas mediante mandados judiciais em desfavor de criminosos que já estavam detidos no sistema penitenciário. Durante a Operação, foram apreendidas armas, drogas e dinheiro. “A Operação Pecado Original foi bastante exitosa e com certeza teremos uma redução nos índices de criminalidade nas cidades desta região”, destacou a delegada-geral da Polícia Civil, Adriana Shirley.
22 nov por João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Brasil e Argentina fazem operação de combate à pedofilia

A terceira fase da Operação Luz na Infância foi deflagrada na manhã desta quinta-feira pelo Ministério da Segurança Pública. Policiais civis de 18 estados e do Distrito Federal (DF) estão desde as primeiras horas da manhã cumprindo 69 mandados de busca e apreensão Nota divulgada pelo ministério diz que a operação dá “continuidade aos trabalhos de identificação de crimes relacionados ao abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes praticados no meio cibernético”. Também participa da operação o Corpo de Investigações Judiciais (CIJ) do Ministério Público Fiscal da Cidade Autônoma de Buenos Aires, na Argentina. O CIJ cumpre simultaneamente no pais vizinho 41 mandados de busca. “Os alvos internacionais foram identificados após atuação conjunta entre a Diretoria de Inteligência da Senasp e autoridades policiais da Argentina. As ações simultâneas realizadas no Brasil e na Argentina mobilizam um efetivo aproximado de mil policiais”, diz a nota. Todas as ações no Brasil estão sendo coordenadas entre a Secretaria Nacional de Segurança Pública (Senasp) e as Polícias Civis dos estados e do DF. Luz na Infância A Operação Luz na Infância teve início em outubro de 2017, quando foram cumpridos 157 mandados e presos 112 abusadores. Na segunda edição, ocorrida em maio de 2018, houve cumprimento de 579 mandados de busca, resultando na prisão de 251 pessoas. Por Agência Brasil / Brasília
30 out por João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Estado revoga contratação de banca para concurso da Polícia Civil

A Secretaria Estadual de Administração e Recursos Humanos do Estado do Rio Grande do Norte (Searh/RN) publicou uma portaria revogando o processo licitatório para contratação do Instituto Acesso para realização do concurso da Polícia Civil. A publicação foi feita no Diário Oficial do Estado da última sexta-feira (26) e determina ainda a suspensão da portaria que criou a Comissão de Especial designada para realização do concurso. A medida vem após questionamentos feitos pela Defensoria Pública do Estado do Rio Grande do Norte (DPE/RN), Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), Associação dos Escrivães de Polícia Civil (ADEPOL), Sindicato dos Policiais Civis do Rio Grande do Norte (SINPOL) e pela Associação dos Escrivães da Polícia Civil do RN (ASSESP). No início deste mês, a DPE/RN havia aberto um procedimento preparatório para demanda coletiva para analisar a contratação de empresa. Em ofício, a Defensoria alertou que o Instituto Acesso responde a Ação Civil Pública de nº 0637751-54.2018.8.04.0001, proposta pela Defensoria Pública do Estado do Amazonas, por supostas irregularidades na aplicação da prova para concurso de professor daquele Estado. Os relatos são de possível violação de lotes de provas, duplicidade de questões na prova e ausência de lista de presença para candidatos. Tais indícios levaram a suspensão do certame, por decisão judicial, bem como na formalização de pedido de anulação das provas aplicadas. No mesmo período, o MPRN recomendou à Searh a anulação de todos os atos decisórios praticados pela comissão do concurso da Polícia Civil. Fonte: Assessoria de Imprensa da Defensoria Pública do RN
24 out por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Laudo aponta que suástica em jovem foi ato de automutilação ou consentimento

Um laudo da Polícia Civil do Rio Grande do Sul apontou que os cortes feitos em forma de suástica no corpo de uma jovem de 19 anos foram resultado de automutilação ou uma intervenção consentida por ela. De acordo com o delegado Paulo César Caldas Jardim, responsável pelas investigações do caso, que veio à tona há duas semanas, em Porto Alegre, disse que não há cortes na pele, apenas arranhões na epiderme – parte mais superficial. “O que ressalta aos olhos é que todos os traços são bem retilíneos. São 23 riscos muito certos e todos muito superficiais”, disse Jardim à reportagem da Agência Brasil. A perícia descartou o uso de objeto cortante e apontou o provável uso de objetos como um grampo ou uma bijouteria. Paulo César Jardim disse que a jovem faz tratamento psiquiátrico e toma diversos remédios. “É uma fragilidade emocional”, acrescentou. O procedimento será encaminhando hoje para a Justiça e a pena por falsa comunicação de crime pode variar entre 6 meses a 1 ano de detenção.
24 set por João Ricardo Correia Tags:, , ,

STF nega anulação de interceptações telefônicas em inquérito contra delegado de Polícia Civil

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou o Habeas Corpus (HC) 156157, no qual a defesa do delegado da Polícia Civil do Paraná (PR) Gustavo Tucci de Nogueira, investigado na Operação Jogo Sujo II, deflagrada pelo Ministério Público estadual, buscava a nulidade de todas as interceptações realizadas em suas linhas telefônicas. Ele foi denunciado em razão da suposta prática da contravenção penal de exploração do jogo do bicho, quadrilha, corrupção passiva, violação de sigilo funcional e lavagem de dinheiro. A interceptação, pedida pelo Ministério Público do Paraná, foi autorizada pelo juízo da Vara Criminal de Apucarana. Alegando a suposta perda ou subtração de parte das gravações, a defesa impetrou HC junto ao Tribunal de Justiça do Paraná, que concedeu apenas parcialmente a ordem. A corte estadual reconheceu a licitude da interceptação e de suas prorrogações, mas determinou ao juízo de primeira instância que desentranhasse os áudios e degravações afetados pela solução de continuidade e examinasse a existência de eventuais provas ilícitas por derivação, afastando-as dos autos.
9 ago por João Ricardo Correia Tags:, , ,

Polícia Civil elucida assassinato de vigia na praia de Búzios

Na manhã dessa quinta-feira, 9, a Polícia Civil de Nísia Floresta, litoral Sul do RN, prendeu George Augusto Ferreira Lins , Karina Agra de Melo e Alberto Luiz Ramalho Lima Filho, o "Betinho", apontados como participantes do assassinato a tiros do vigia Romário Ivanov Bezerra de Macedo e da tentativa de homicídio contra um outro vigia, na madrugada de 27 de julho passado, no Distrito de Búzios. A investigação feita pelos policiais civis levantou que motivação para o crime foi a concorrência entre empresas de segurança na área. As três pessoas presas são proprietárias da JK Segurança, enquanto as vítimas pertenciam a outra firma. Uma vez elucidado o crime e encontrados os pré-requisitos necessários para os pedidos de prisão temporária, o procedimento foi encaminhado ao Juiz Tiago Neves, titular da Comarca, que determinou as prisões. A Polícia Civil de Nísia Floresta continua as investigações sobre o caso. Colabore com informações através do telefone/whatsapp 981187675.
× Fale no ZAP