Tag: nordeste

19 abr por João Ricardo Correia Tags:, ,

Mapa vai criar zoneamento climático para áreas atingidas pela seca no Nordeste

Um novo modelo de Zoneamento Agrícola de Risco Climático (ZARC) para a região Nordeste começará a ser elaborado pela Secretaria de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). O ponto de partida será a reunião técnica do projeto de pesquisa da Embrapa Avaliação de Riscos e Resiliência Agroclimática (ARRA), na próxima quarta-feira (24), na sede da Sudene, em Recife (PE).

Na reunião serão debatidos e selecionados os sistemas de produção mais promissores para as áreas de maior vulnerabilidade e escassez de água por falta de chuva. Os sistemas selecionados terão prioridade nas ações do ZARC, destacando suas vantagens para orientar e estimular sua adoção por produtores da região.

As unidades da Embrapa no Nordeste, Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA) e a Universidade Federal Rural de Pernambuco (UFRPE) irão selecionar focos de atuação, sistemas de produção com maior potencial transformador e chances de obterem sucesso, bem como alternativas para geração de renda, emprego e sustentabilidade à agricultura do Nordeste.

Terão maior atenção as práticas agronômicas e alternativas viáveis levando em conta culturas solteiras (dedicadas de forma isolada à agricultura ou à pecuária), sistemas integrados, anuais e ou perenes (permanentes), associados a animais ou não, Integração lavoura, pecuária, floresta (ILPFs) e suas variações.

Fonte: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento

7 fev por João Ricardo Correia Tags:, , ,

Senador Styvenson propõe medidas para prevenir desastres com barragens

O senador Styvenson Valentim (Pode-RN) propôs, nesta quinta-feira (7), a modificação da Lei 9.605, de 1998, que trata dos crimes ambientais, como forma de prevenir desastres em localidades que abrigam construção de barragens, sejam elas para acúmulo de rejeitos de minério ou para retenção ou controle do fluxo de água. Citando a tragédia que ocorreu com o rompimento da barragem de Brumadinho, em Minas Gerais, ele também manifestou preocupação com a situação de risco em que se encontram barragens no Nordeste e, em especial, no Rio Grande do Norte.

"A nossa barragem não é de resíduo mineral, não é de resíduo de ferro ou cobre, mas está lá para água potável. E se chove, se essa água se acumula, ela [a barragem sem manutenção] não retém [a água]. Num estado que vive periodicamente ou quase a vida toda em seca, espera-se primeiro chover para depois tentar ajeitar. Existe pouca cultura da prevenção. A gente só age quando a coisa acontece", disse o senador.

Ofícios com solicitações pedindo atenção especial às barragens foram encaminhados pelo parlamentar aos órgãos responsáveis, como para a Agência Nacional de Águas (ANA) e o Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs).

Fonte: Agência Senado
Foto: Geraldo Magela / Agência Senado

6 fev por João Ricardo Correia Tags:,

Governadores pedem ao STF julgamento de processos sobre repasses

Governadores do Nordeste reuniram-se hoje (6) com o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Dias Toffoli, para pedir o julgamento de processos que podem garantir aumento no repasse de recursos para os estados. Participaram do encontro os governadores Flávio Dino (Maranhão), Paulo Câmara (Pernambuco), Fátima Bezerra (Rio Grande do Norte), Wellington Dias (Piauí) e Rui Costa (Bahia).

De acordo com os governadores, a recessão econômica atingiu as finanças públicas dos estados, e um eventual resultado positivo nos julgamentos pode adiantar repasses que demorariam para chegar somente com os efeitos das reformas que serão propostas pelo governo federal.

6 fev por João Ricardo Correia Tags:, , ,

Governadores do Nordeste debatem reforma da Previdência

Integrantes do Fórum dos Governadores do Nordeste se reúnem, na sede do escritório da representação do governo do Ceará, em Brasília (Foto: Antônio Cruz/ABr)

Os nove governadores do Nordeste estão reunidos há mais de duas horas no escritório regional do Ceará em Brasilia. Com o entra-e-sai de parlamentares da região, os chefes de Executivos estaduais elencam prioridades regionais que serão apresentadas no encontro nacional de governadores no próximo dia 20, na capital federal.

Mesmo sem uma definição do governo federal, o grupo também está debruçado sobre as mudanças na legislação previdenciária. Convidado, o economista Raul Velloso participou de parte da conversa e apresentou uma alternativa ao déficit previdenciário dos estados, que classificou de “forte” e de “longo prazo”.

"A ideia está centrada na criação de um fundo de pensão como os fundos das grandes estatais federais”, disse. Segundo o modelo, o fundo concentraria gastos de aposentadorias, receitas de contribuições e novas fontes como recebíveis.

“Como ações de empresas, créditos dos estados como royalties. Tudo isso seria incorporado ao fundo para no final o impacto das reformas zerar a conta do déficit atuarial da conta dos servidores”, explicou.

Velloso alertou que os estados “não estão dando conta” de pagar esse déficit. “Não faz sentido tentar aprovar a reforma de regras e não levar em conta a dificuldade dos estados”, afirmou.

Por Carolina Gonçalves - Repórter da Agência Brasil / Brasília

4 jan por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Bolsonaro prorroga incentivos para empresas no Nordeste e Amazônia

O presidente Jair Bolsonaro autorizou a prorrogação de incentivos concedidos às empresas que executam projetos junto à Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene) e da Superintendência do Desenvolvimento da Amazônia (Sudam). A sanção foi publicada na edição de hoje (4) no Diário Oficial da União. Na mesma mensagem, Bolsonaro restringiu um trecho do projeto aprovado pelo Congresso Nacional que estenderia também o benefício a projetos de instalação, ampliação, modernização ou diversificação na área de atuação da Superintendência do Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco). A justificativa do veto é que a desoneração tributária possui restrições estipuladas em leis que estabelecem uma redução progressiva da renúncia. “De modo que a renúncia total da receita não ultrapasse, em dez anos, 2% do produto interno bruto.” Outra motivação para o veto parcial foi a perda de receita da extensão de benefícios à Sudeco e o fato de não haver uma previsão de receita para equilibrar as contas diante das perdas. “O projeto não está acompanhado de um aumento de receita compensatória e estimativa trienal do impacto orçamentário-financeiro como determinam a legislação vigente”, disse o presidente, em mensagem ao Legislativo. Por Carolina Gonçalves – Repórter da Agência Brasil / Brasília
25 dez por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Benefício para o Nordeste: Bolsonaro diz que terá parceria com Israel para dessalinizar água

O presidente da República eleito, Jair Bolsonaro, disse hoje (25) que fará parcerias com Israel para beneficiar o Nordeste com projetos de dessalinização de água. Por meio de seu perfil no Twitter, Bolsonaro afirmou que o futuro ministro de Ciência e Tecnologia, Marcos Pontes, visitará em janeiro instalações de dessalinização, plantações e o escritório de patentes no país do Oriente Médio. Ainda em janeiro, espera-se que seja implantada no Nordeste brasileiro uma instalação piloto para tirar água salobra de poços, dessalinizar, armazenar e distribuir para a agricultura familiar da região. “Também estudamos junto ao embaixador de Israel e empresa especializada testar tecnologia que produz água a partir da umidade do ar em escolas e hospitais da região. Poderemos, inclusive, negociar a instalação de fábrica no Nordeste para venda desses equipamentos”, escreveu no Twitter. Por Vitor Abdala - Repórter da Agência Brasil / Rio de Janeiro
14 nov por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Apenas um governador do Nordeste participa de encontro em Brasília

[caption id="attachment_55056" align="aligncenter" width="560"] Governadora eleita do RN, Fátima Bezerra também não participará do encontro[/caption] O governador reeleito do Piauí, Wellington Dias (PT), é o único presente hoje (14) no fórum, em Brasília, dos nove estados do Nordeste. Ao chegar à reunião, o petista se apresentou como representante do Fórum de Governadores do Nordeste e adiantou que o grupo quer conversar com o presidente eleito, Jair Bolsonaro, para tratar de uma agenda comum da região “Alguns pontos avançaram, mas [em] outros não chegamos a um pleno entendimento e, na data que for possível, estamos prontos para o diálogo [com Bolsonaro]”, afirmou Wellington Dias, informando que há uma agenda em curso com o governo do presidente Michel Temer. O governador reeleito da Bahia, Rui Costa (PT), que está em Israel, enviou seu vice, João Leão (PP). Wellington Dias negou que haja resistência por parte dos governadores ausentes. “Quando recebemos o convite, vários governadores estavam com missões no exterior, outros com compromissos, com dificuldades de alteração [na agenda], então acertamos que eu compareceria.” Não compareceram ao encontro os governadores eleitos e reeleitos da Bahia, Rui Costa (PT); do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT); do Ceará, Camilo Santana (PT); do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB); de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB); da Paraíba, João Azevêdo (PSB); de Sergipe, Belivaldo Chagas (PSD); e de Alagoas, Renan Filho (MDB). Por Karine Melo, Luiza Damé e Paula Labossière - Repórteres da Agência Brasil / Brasíl
8 nov por João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Nordeste perdeu 1 milhão de trabalhadores no campo de 2012 para 2017

De 2012 para 2017, a Região Nordeste perdeu cerca de 1 milhão de trabalhadores rurais. Segundo dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios – Contínua (Pnad-C): Características Adicionais do Mercado de Trabalho 2012-2017, divulgada hoje (8) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o percentual de pessoas ocupadas que trabalham em fazenda, sítio, granja ou chácara na região passou de 22,4% para 16,2% no período. Apesar de ainda ter a maior proporção do país, o Nordeste teve também a maior queda no período. Considerando todo o Brasil, os últimos dados mostram que 11,1% da população ocupada trabalham em áreas rurais, um contingente de 8 milhões de pessoas. Segundo a economista da Coordenação de Trabalho e Rendimento do IBGE Adriana Beringuy, esse movimento é observado desde 2012 e confirmado em 2017, com o Nordeste registrando a menor taxa da série para trabalhadores em estabelecimentos rurais. Por Akemi Nitahara – Repórter da Agência Brasil / Rio de Janeiro
27 ago por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Indústria da seca perpetua no poder políticos que aproveitam da necessidade dos sertanejos que morrem de fome e sede

Há décadas a região Nordeste continua sofrendo com a estiagem e servindo como balcão de votos nas mãos de políticos canalhas, que aproveitam a situação de milhares de pessoas e se perpetuam no poder, sempre fazendo promessas, doando cestas básicas em época de eleição, construindo cisternas e promovendo outros "benefícios" que não resolvem o problema definitivamente. A "indústria da seca" mata de fome e sede adultos e crianças, além de animais como bois, vacas, bodes e cabras. A falta de vontade política é evidente e faz ricos políticos que sobrevivem das benesses do poder e sabem muito bem onde buscar parte dos votos que precisam: entre os miseráveis que sofrem os efeitos da falta regular das chuvas. Nos dois vídeos abaixo, alguns dos exemplos de como age essa "indústria" assassina. https://www.youtube.com/watch?v=V_QVIiK8gk8 https://www.youtube.com/watch?v=_F3co-4SnDM
27 ago por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Congresso científico debaterá perspectivas do semiárido brasileiro

A Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) é uma das instituições de ensino que apoiam o 1º Congresso Nacional da Diversidade do Semiárido (Conadis), realizado pelo Centro Multidisciplinar de Estudos e Pesquisas (Cemep). O evento acontecerá de 12 a 15 de dezembro, no Praiamar Hotel, em Natal, e vai abordar o tema Semiárido brasileiro: diversidade, tendências, tensões e perspectivas. O Congresso busca relembrar momentos históricos, políticos, econômicos, sociais e ambientais vivenciados no semiárido, trazendo a trajetória das obras contra as secas, da convivência, das tensões existentes e das possibilidades apontadas pela ciência, provocando expectativas na comunidade acadêmica e nos setores da sociedade sobre o semiárido brasileiro. Podem participar professores, profissionais e estudantes de ensino técnico, graduação e pós-graduação. As inscrições estão abertas até o dia 29 de novembro. Interessados em apresentar resumo de trabalhos têm até o dia 29 de outubro para realizar as submissões. Mais informações pelo www.conadis.com.br. Fonte: Agência de Comunicação da UFRN Foto: Eduardo Maia
10 ago por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Clone de cajueiro anão produz bem mesmo durante seca prolongada

Produtivo, rústico e resistente à seca, o clone de cajueiro anão Embrapa 51 é a variedade predileta dos produtores de Severiano Melo (RN), cidade da chapada do Apodi, conhecida como terra do caju. O clone apresentou uma produtividade média de cerca de mil quilos de castanha por hectare, em sequeiro, após uma sequência de cinco anos de seca. Em 2017, com chuvas um pouco mais generosas, alguns produtores conseguiram obter mais de 1,5 mil quilos por hectare. Essa produtividade foi alcançada em áreas implantadas há cinco anos e que recebem os tratos culturais recomendados. “A planta se adaptou e produz muito na região. Mesmo no período muito seco dos últimos cinco anos, os produtores que cuidam bem chegam a mais de mil quilos de castanha por hectare, o que é uma coisa fantástica”, atesta o pesquisador Levi de Moura Barros, líder do Programa de Melhoramento Genético do Cajueiro, que lançou o clone no ano de 1995. De acordo com o pesquisador, o Embrapa 51 apresenta castanha de boa qualidade e pedúnculo que atende bem aos critérios das fábricas de sucos. Além da resistência à seca, a variedade também tolera bem uma das principais doenças que afeta a espécie, a resinose (Lasiodiplodia theobromae). Outra grande vantagem do clone é que ele produz durante oito meses do ano quase sem interrupções, enquanto as demais variedades oferecem uma safra de apenas quatro meses. Isso ocorre porque, ao contrário de outros cajueiros, ele desenvolve simultaneamente etapas diferentes de evolução dos frutos. ==>LEIA MATÉRIA COMPLETA: https://www.embrapa.br/busca-de-noticias/-/noticia/32008872/clone-de-cajueiro-anao-produz-bem-mesmo-durante-seca-prolongada
10 ago por João Ricardo Correia Tags:, , ,

Censo Agropecuário: rebanho caprino aumentou 16% no Brasil

O rebanho de caprinos do Brasil cresceu 16,1% entre 2006 e 2017. Os dados são do Censo Agropecuário produzido pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e foram divulgados em 27 de julho em caráter preliminar. Em todo o País, o número desses animais no período passou de 7,1 milhões para 8,2 milhões. A alta na quantidade de cabeças de caprinos no Brasil foi alavancada em três regiões: Nordeste (de 6,4 milhões para 7,6 milhões, ou 18,3%), Norte (139,7 mil para 188,6 mil, ou 35%) e Centro-Oeste (75,9 mil para 108,8 mil, ou 43,3%). Apenas as regiões Sul e Sudeste apresentaram redução do rebanho caprino entre os anos analisados pelo IBGE.
9 out por João Ricardo Correia Tags:, , , , , ,

Livros e CDs de Bob Motta continuam à venda

Ana Cláudia, filha do saudoso poeta Bob Motta, que nos deixou recentemente, está vendendo livros e CDs com parte da obra desse inesquecível artista potiguar, que levou ao mundo, com seu linguajar tão peculiar, as belezas do nosso Nordeste. Veja o que Ana publicou em sua página, no Facebook: Olá! Para você que admira a cultura popular e gostaria de ter um trabalho do saudoso poeta Bob Motta, tenho exemplares do seu mais recente livro e também CDs para vender. Bob Motta, meu pai, deixou um maravilhoso acervo de obras que encantam todas as idades, pela pureza, pelo desprendimento, pelo jeito tão peculiar de ver o mundo. Agradeço sua atenção. Contatos pelo WhatsApp: 9 8607-1944
23 jul por João Ricardo Correia Tags:, , , , , , ,

IFRN é campeão dos JIFs Nordeste

De 18 a 23 de julho, o Centro de Formação Olímpica do Nordeste (CFO), em Fortaleza, foi palco de intensas atividades esportivas. Ali, o Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (Conif), o Instituto Federal do Ceará, (IFCE) e parceiros, como o Governo do Estado, realizaram a edição 2017 dos Jogos dos Institutos Federais (Jif’s) etapa Nordeste. O Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN) sagrou-se como grande campeão das disputas: foram 84 medalhas e 18 troféus, nas modalidades atletismo, basquetebol, futebol, handebol, judô, natação, tênis de mesa, voleibol, vôlei de praia e xadrez. Os vencedores classificaram-se para a etapa nacional dos JIFs, que acontecem em outubro, em Poços de Calda, Minas Gerais, organizados pelo IF Sul de Minas.
13 nov por João Ricardo Correia Tags:, , ,

Governo decreta situação de emergência em 272 municípios

carro_pipa O Ministério da Integração Nacional reconheceu, na sexta-feira (11), a situação de emergência em 272 municípios nos estados de Pernambuco, Paraíba, Piauí, Bahia, Sergipe, Minas Gerais e Mato Grosso. Com a medida, adotada em decorrência do longo período de seca e estiagem que atinge as regiões, os gestores municipais poderão contar com benefícios oferecidos pelo Governo Federal. A portaria foi publicada no Diário Oficial da União (DOU). Além de viabilizar o fornecimento de água tratada à população, por meio da Operação Carro-Pipa Federal - da Secretaria Nacional de Proteção e Defesa Civil (Sedec) - o reconhecimento permite que os municípios tenham direito a outros benefícios, como a renegociação de dívidas no setor de agricultura junto ao Banco do Brasil.
× Fale no ZAP