Tag: Governo

12 fev por João Ricardo Correia Tags:,

Justiça determina que Estado pague salários em atraso antes dos meses vencidos ou a vencer em 2019

O juiz da 2ª Vara da Comarca de Currais Novos, Marcus Vinícius Pereira Júnior, ao apreciar ação popular determinou que o Estado do Rio Grande do Norte obedeça a ordem cronológica de pagamentos da folha de pessoal e que somente efetue os pagamentos dos vencimentos e proventos vencidos em 2019, após o pagamento integral dos salários e remuneração de aposentadorias relativos aos meses de novembro e dezembro de 2018.

Semelhante determinação vale para os décimos terceiros salários de 2017 e 2018. O magistrado acrescentou que “a decisão não determina que o Estado efetue pagamentos atuais ou atrasados, mas apenas se abstenha de pagar os vencimentos e proventos vencidos e a vencer em 2019”, até o pagamento total dos vencimentos e proventos referentes aos períodos anteriormente mencionados.

A ação popular foi ajuizada durante plantão judicial, por Ezequiel Pereira da Silva Neto, contra o Estado do Rio Grande do Norte e a governadora Fátima Bezerra. O juiz declarou que a pessoa da governadora não deve figurar como parte nesta ação, pois não foi narrada nenhuma omissão ou conduta irregular praticada por ela.

24 jan por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Governo promete pagamento da folha de janeiro dia 31 e revogação do decreto que suspendeu licença-prêmio 

O Governo do Estado garantiu às entidades sindicais e associativas que representam os servidores públicos do Rio Grande do Norte o pagamento do mês de janeiro de todo o funcionalismo estadual até o dia 31. No encontro com o Comitê Estadual de Negociação Coletiva ficou acertada ainda a revogação do decreto que suspendeu o gozo e pagamento de licença-prêmio devido à crise financeira do Estado. O acordo ocorreu nesta quarta-feira, 23, em reunião no Gabinete Civil, quando o secretário-chefe Raimundo Alves se comprometeu a buscar uma alternativa para que não haja descontinuidade nos serviços de alguns setores do serviço público sem a necessidade de contratação de terceirizados, o que oneraria os cofres do Estado.

Além desse ponto, os servidores queriam a garantia de que o Governo não vai parcelar os salários atrasados e de que cumprirá com o acordo de finalizar o pagamento do salário de janeiro no próximo dia 31. “Nós não temos essa intenção de fazer o pagamento em parcelas. Desde o início das conversas nós deixamos claro que todo recurso extra será para quitar esse passivo”, afirmou Raimundo Alves. “Nossa intenção também é pagar os salários sempre dentro do mês trabalhado”.

11 jan por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Sem salário, policial militar do RN vende farofa nas ruas

O cabo PM Luiz Valmir, como milhares de servidores públicos estaduais do Rio Grande do Norte, está com salários atrasados e passou a vender farofa, nas ruas da cidade de Currais Novos, para não passar fome e tentar pagar algumas contas.

Cabo Luiz Valmir busca sobrevivência

O vídeo acima, que circula em grupos de WhatsApp, foi gravado dia 9 deste primeiro mês de 2019 e retrata a humilhação pela qual passam trabalhadores e trabalhadoras vítimas de gestões caóticas, irresponsáveis, incompetentes.

Esses homens e mulheres - e suas famílias - massacrados são resultados de políticos canalhas, mentirosos, cínicos, cafajestes, materialistas, egocêntricos, muitos dos quais envolvidos em escândalos, processados, condenados, mas que continuam como se inocentes fossem, vendendo as almas ao diabo e dando as mães como troco, porque se acostumaram a viver na sacanagem, se aproveitando das benesses patrocinadas pelo dinheiro público.

A cada campanha política, com raras exceções, bandos de marginais saem às ruas pedindo nossos votos, prometendo céu e estrelas. Depois da vitória, surgem com as caras lisas, dando desculpas, tentando, mais uma vez, enganar o povo, enquanto esperam as novas eleições.

A crise financeira do RN é a mesma que toma conta do Brasil e de qualquer lugar administrado por bandidos e bandidas disfarçados de políticos.

A farofa do cabo Valmir é simbólica. Representa a força de vontade dos homens e mulheres honestos que lutam para manter as necessidades básicas, enquanto milhares de assaltantes dos cofres públicos continuam impunes, zombando de todos nós.

Por João Ricardo Correia
Editor do Companhia da Notícia



OUÇA A WEB RÁDIO COMPANHIA DA NOTÍCIA
https://player.maxcast.com.br/companhiadanoticia

8 jan por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Governo estuda privatizar ou liquidar 100 estatais

O ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas (FOTO), antecipou hoje (8), antes de participar da segunda reunião ministerial, no Palácio do Planalto, que há projeções para privatizar ou liquidar cerca de 100 estatais, incluindo subsidiárias do Banco do Brasil, Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e Petrobras, entre outras. A meta é reduzir gastos e levantar recursos. Segundo o ministro, as privatizações podem ocorrer nos próximos meses. Ele não detalhou os planos de desestatização, mas afirmou que serão seguidos os critérios funcionais. “É possível colocar em prática se você pensar que há muitas subsidiárias. Obviamente, a gente está falando não só de privatizações, mas também de liquidação de empresas que não fazem mais sentido. As liquidações vão desonerar o orçamento e vai sobrando dinheiro para investir em outras prioridades.”
2 jan por João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Capitão PM chama ex-governador de “Robinho”, considera governo “nefasto” e sugere que seja candidato a síndico de condomínio

O capitão PM Lenarte Azevedo postou em seu perfil no Facebook, na manhã de hoje, 2, críticas ao ex-governador Robinson Faria, a quem chamou de "Robinho", que "esqueceu de reformar os quartéis da Policia Militar, onde provavelmente se hospedará". Lenarte, em tom irônico, ainda escreveu: "Inclusive, já que estás desempregado, diria para se candidatar ao cargo de síndico do Porto Brasil, mas soube que já houve eleições esses dias por lá". O Porto Brasil é um condomínio de casas de alto padrão, no litoral Sul do Rio Grande do Norte. A postagem já provocou alguns comentários, todos de apoio ao policial. Confira:    
1 jan por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Futuro governo Bolsonaro é destaque na imprensa mundial

O futuro governo do presidente eleito, Jair Bolsonaro, é tema hoje (1º) dos principais veículos de imprensa do mundo. Muitos deles comparam o brasileiro ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, também destacam as diferenças entre Bolsonaro e os antecessores, assim como os desafios que terá de enfrentar, do combate à violência à corrupção. O jornal norte-americano Washington Post publica uma foto de perfil do presidente eleito com o semblante compenetrado. Na reportagem, associam as semelhantes entre Bolsonaro e Trump e relembram uma antiga frase do presidente eleito: "Trump é um exemplo para mim". O francês Le Monde põem em destaque uma fotografia em que Bolsonaro está com o chapéu que ganhou de cantores sertanejos durante almoço em Brasília. A reportagem, a exemplo do Washington Post, menciona as semelhanças entre Trump e o o presidente eleito. No Le Monde, há menção à análise feita por Steven Bannon, aliado de Trump, que destacou as virtudes de Bolsonaro. A RTP, emissora pública de televisão de Portugal, a foto de destaque é uma imagem do Congresso Nacional. O título resume: “Bolsonaro toma posse. Nova era no Brasil”. Também cita que os brasileiros clamam por mais segurança e que as dificuldades econômicas imperam. Destaca a presença do presidente de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, na cerimônia. Na Tass, agência estatal de notícias da Rússia, o destaque é para a comitiva russa que representará o presidente Vladimir Putin. O presidente da Duma (Câmara dos Deputados da Rússia), Vyacheslav Volodin, estará na cerimônia de posse com um grupo de parlamentares. O ABC Color, um dos principais jornais do Paraguai, ressalta que o presidente paraguaio, Abdo Benítez, pegará uma carona no avião do presidente do Chile, Sebastián Piñera, na viagem até Brasília. Ambos aproveitarão o tempo para realizar a primeira reunião bilateral. O argentino La Nación traz uma fotografia de Bolsonaro sorrindo e fazendo o sinal de positivo. A reportagem informa que Brasil, México e Estados Unidos os “três gigantes americanos” estarão governados por líderes que “abraçam o nacionalismo”. O texto menciona um “triunvirato”. Por Agência Brasil / Brasília
22 nov por João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Rodrigo Maia diz que DEM não faz parte do governo Bolsonaro

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (FOTO), disse hoje (22) que o DEM não faz parte do futuro governo de Jair Bolsonaro, apesar de três dos novos ministros serem filiados ao partido. “Não há nenhuma indicação do DEM. O DEM não faz parte do governo”, enfatizou após participar de um almoço promovido pela Associação Brasileira de Relações Institucionais e Governamentais (Abrig). São filiados a sigla os futuros ministros Onyx Lorenzoni (Casa Civil), Tereza Cristina (Agricultura) e Luiz Henrique Mandetta (Saúde). Maia disse que o partido não participou diretamente das negociações para composição do ministério. “As indicações são de exclusiva responsabilidade do [fututo] presidente da República. O DEM não participou de nenhuma delas. Uma foi pessoal [Lorenzoni], outra foi [indicação d]a bancada ruralista. Aliás, foi o Alceu Moreira [deputado federal (MDB-RS)], que é meu possível adversário para eleição para presidente da Câmara, que levou a Tereza Cristina ao presidente para a sua indicação. O outro foi a bancada da saúde [Mandetta]”, disse. Mesmo negando que o partido componha o governo, Maia disse que o DEM no Congresso deve se alinhar com as propostas econômicas do próximo governo elaboradas pelo futuro ministro da Fazenda, Paulo Guedes. “ O DEM está pronto para votar as propostas que serão encaminhadas pelo Paulo Guedes porque acredita nelas, independente do governo. Se as propostas do Paulo Guedes fossem de outro presidente, nós estaríamos prontos para votar”. Por Daniel Mello - Repórter da Agência Brasil / São Paulo
14 nov por João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Kleber Fernandes é indicado líder do governo municipal na Câmara

O vereador Kleber Fernandes (FOTO) é o novo líder do governo na Câmara Municipal do Natal. A indicação foi oficializada na manhã desta quarta-feira (14) após a leitura do ofício enviado pelo prefeito da capital, Álvaro Dias, à Mesa Diretora da Casa. Os vereadores Ney Lopes Júnior e Nina Souza irão compor a 1ª e a 2ª vice-liderança, respectivamente. Após a confirmação da indicação, Kleber Fernandes destacou que pretende contribuir para a harmonia entre os poderes. “Assumi com muito orgulho e determinação a importante missão de ser o líder do governo no Legislativo Municipal. Agradeço ao prefeito Álvaro Dias a confiança e prometo honrar a nova condição, adotando uma postura sempre transparente e respeitosa. Quero reafirmar o nosso compromisso em ser o elo entre os dois poderes, uma ligação indispensável para que possamos fazer o melhor por Natal”, declarou. Fonte: Graphos Comunicação
9 nov por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Regulação: MPRN recomenda revogação de portaria da Sesap

O Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN) expediu recomendação para que a Secretaria Estadual de Saúde Pública do Rio Grande do Norte (Sesap) anule portaria referente à criação da Central Estadual de Regulação. A medida foi tomada sem a aprovação da Comissão Intergestores Bipartite do Rio Grande do Norte (CIB-RN), órgão responsável pela gestão de instrumentos de saúde no estado e dos municípios. A medida entra em desacordo com modelo de gestão pactuada entre municípios, regida pela CIB. No Rio Grande do Norte, o modelo de regulação segue o Complexo Regulador, aprovado no ano de 2014. A ferramenta é composta por sete Centrais Regionais e o Complexo Estadual de Regulação, além da Central Metropolitana de Regulação. A atuação do complexo é embasada nas normas técnicas do Sistema Único de Saúde (SUS), a Política Estadual de Regulação e Plano Diretor de Regionalização. O sistema é operado pelo Estado e Municípios. Segundo o MPRN, desde 2014 o Governo Estadual segue negligenciando a estrutura e o apoio às centrais de regulação, acarretando na precariedade do funcionamento dos órgãos, especialmente os que atuam em Caicó e Mossoró. Essa postura negligente pode colocar em risco o acesso igualitário aos serviços de saúde do Estado. A Secretaria terá o prazo de 20 dias para informar detalhadamente as medidas tomadas para acatar a recomendação. Fonte: MPRN
8 nov por João Ricardo Correia Tags:, , , , , , ,

Fátima e dois grandes desafios: pagar salários em dia e combater criminalidade

A governadora eleita do Rio Grande do Norte, senadora Fátima Bezerra, tem dois desafios que precisam ser enfrentados desde seu primeiro instante na cadeira atualmente ocupada por Robinson Faria: atraso no pagamento dos servidores e insegurança. Paraibana de origem simples, Fátima ganhou notoriedade entre os potiguares a partir de sua atuação sindical, como professora. Foi eleita deputada estadual, deputada federal, tentou sem êxito ser prefeita de Natal, ganhou para o Senado e agora foi escolhida para governar o Estado que a acolheu. Apesar de seu partido, o PT, está envolvido numa série de escândalos, Fátima ficou imune e tinha a seu favor, como os dois principais adversários, o governador Robinson Faria e o ex-prefeito de Natal, Carlos Eduardo Alves, integrante de uma das oligarquias que sempre estiveram no poder, por cerca de 70 anos. Fátima é experiente na política e não deve tentar, como Robinson, especialista em atrasar salários, fez, desafiar a inteligência dos potiguares, apostando em postagens no Instagram e acreditar numa comunicação limitada e pouco criativa. A governadora eleita precisa, como se diz, "chegar chegando", cortando gastos, impondo respeito, sendo transparente, respeitando os servidores e, principalmente, devolvendo aos cidadãos o direito de ir e vir. As dificuldades, como praticamente em todo o Brasil, serão imensas, mas a professora que chegou ao governo do RN é inteligente e precisa ter bom senso em cada ato, sabendo que os resultados do seu trabalho atingirão milhares de famílias e não serão escondidos por auxiliares babões ou por peças publicitárias. O "recado" do eleitoral começou a ser dado este ano. João Ricardo Correia
27 out por João Ricardo Correia Tags:, , , , , , ,

Liderança de Fátima Bezerra preocupa esquema de Carlos Eduardo Alves na véspera da eleição

[caption id="attachment_54785" align="aligncenter" width="631"] Fátima Bezerra (PT) e Carlos Eduardo Alves (PDT): numa hora, se divertem juntos; na outra, se acusam, trocam farpas: vale tudo pelo poder. Um dos dois comandará o RN a partir de janeiro de 2019[/caption] O clima entre os apoiadores do candidato Carlos Eduardo Alves é de apreensão. Fontes deste informativo revelam que, embora o que seja transmitido estrategicamente ao público seja a sensação de uma "virada", a tensão foi potencializada desde a noite desta sexta-feira, 26, quando a pesquisa de intenção de votos válidos, divulgada pelo Ibope, apontou 10 pontos a mais para Fátima Bezerra, que ficou com 55%. Para complicar ainda mais o situação da campanha de Carlos, o instituto Certus deu hoje uma maioria de 7 pontos percentuais (votos válidos). Do outro lado, os petistas estão animados e confiantes na vitória de Fátima Bezerra, que aliou-se recentemente a tradicionais políticos do RN, muitos dos quais investigados por suspeita de participação, por exemplo, de desvio de recursos públicos. Carlos Eduardo também contou com apoios na mira das autoridades, como os senadores José Agripino Maia e Garibaldo Alves Filho, que terminaram derrotados nas urnas. Pelo nível dos debates, percebeu-se que o "sujo falando do mal lavado" foi a diretriz das discussões. Carlos Eduardo e Fátima se acusaram, foram irônicos. Ex-aliados viraram adversários e a falta da qualidade de propostas diz que, a depender disso, o Estado não enfrentará bons momentos, vença quem vencer. Carlos Eduardo e seus aliados potiguares pedem aos eleitores e se esgoelam pelos quatro cantos, na tentativa de atrelar a candidatura ao do presidenciável Jair Bolsonaro, que lidera o quadro nacional. O PSL potiguar se pronunciou favorável à eleição do ex-prefeito de Natal. Fátima Bezerra carrega ainda todo o peso das mazelas que atingiram o Brasil, patrocinadas pelo seu partido o PT, cujo maior líder, o ex-presidente Lula da Silva, está na cadeia, entretanto, a senadora petista tem conseguido avançar e sua militância está aguerrida e disposta a não eleger mais um Alves. O Rio Grande do Norte, que está perto de se livrar do Governo de Robinson Faria, reprovado nas urnas, assiste, mais uma vez, velhos políticos disputando o comando do território potiguar. Ou alguém acredita que Fátima e Carlos Eduardo representam alguma novidade? João Ricardo Correia
20 out por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Terceirizadas defendem transmissões ao vivo das licitações e prometem fiscalizar próximo Governo do RN

Empresários que vendem serviços ao Governo do Rio Grande do Norte se articulam para, a partir de janeiro de 2019, independente de quem seja eleito, Fátima Bezerra ou Carlos Eduardo Alves, montar uma "força-tarefa" para evitar benefícios ilegais que estariam sendo oferecidos a políticos, por meio das terceirizadas. Segundo fontes do Companhia da Notícia, é "cultural" a prática de políticos e/ou seus "laranjas" interferirem nas gestões públicas, indicando empresas prestadoras de serviços que seriam usadas como cabides eleitorais. Licitações seriam fraudadas no esquema. "É muito difícil sobreviver nesse meio, porque empresários ligados a grupos políticos sempre são beneficiados. Infelizmente, além de pagarmos impostos exorbitantes, ainda precisamos ver tantas injustiças. São esquemas, demissões em série, tudo como parte de um jogo de troca de interesses com políticos. Temos conhecimento que também rola muita propina nesse meio. Vamos ficar de olho e denunciar qualquer tipo de fraude", relatou um empresário, que prefere não ser identificado, temendo represálias. Outra fonte deste informativo revelou que será sugerido, na Assembleia Legislativa, que seja criada uma lei para que sejam transmitidas, ao vivo, pela internet, todas as licitações, para que não pairem dúvidas sobre suas licitudes. João Ricardo Correia
17 ago por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Verdade ou mentira? Robinson volta a dizer que “construiu mil e duzentas obras”, mas o Governo não diz onde foram feitas

[caption id="attachment_53616" align="aligncenter" width="668"] Fátima e Robinson Faria em um "sincero" aperto de mãos (Foto: Joinha)[/caption] No debate entre os candidatos ao Governo do RN, nesta quinta-feira à noite, na Band Natal, a senadora Fátima Bezerra e o governador Robinson Faria, candidato à reeleição, não pouparam críticas um ao outro. A petista disse que Robinson arrumasse as malas para deixar o cargo dia 31 de dezembro e ele não gostou nada do que ouviu. Robinson voltou a dizer que construiu mil e duzentas obras "como governador", entretanto, há cerca de três meses o jornalista João Ricardo Correia, editor deste Companhia da Notícia, solicita por meio de matérias e publicações no Facebook, Instagram e Twitter a relação com as tais obras. A Assessoria de Comunicação do Governo já respondeu a e-mail, garantindo que daria a informação, o que não fez até hoje. Com mais uma afirmação de Robinson, sobre as mil e duzentas obras, este informativo pergunta: se o governador do RN está dizendo a verdade, qual o motivo de não atender à solicitação do comunicador? Clique AQUI e veja a mais recente matéria publicada sobre o assunto. Abaixo, Robinson chamando Fátima de arrogante e dizendo que fez as mil e duzentas obras. [video width="854" height="480" mp4="https://www.companhiadanoticia.com.br/wp-content/uploads/2018/08/OBRAS_1200.mp4"][/video]  
14 ago por João Ricardo Correia Tags:, , , , , , , ,

OAB cobra providências para combate à criminalidade no RN

Preocupada com a crescente violência, ausência de políticas eficazes para o combate a criminalidade e falta de estrutura e profissionais na área da Segurança Pública, a Ordem dos Advogados do Brasil no Rio Grande do Norte emitiu Nota, nesta segunda feira (14), cobrando do Governo efetividade na resolução dos graves problemas enfrentados. Leia na íntegra: NOTA A Ordem dos Advogados do Brasil – Seccional do Rio Grande do Norte, diante do quadro de total descontrole da segurança pública no Estado do Rio Grande do Norte, sobretudo na cidade de Natal e região metropolitana, vem a público cobrar providências efetivas de combate à criminalidade, cuja responsabilidade e dever é do Governo do Estado. Nos últimos meses, a população foi forçada a se encarcerar em suas residências em busca de proteção, e isso não é resultado de notícias de jornais ou da imprensa, mas é a realidade vivenciada por cada um dos potiguares que, a cada dia, é solapado com notícias de atos criminosos praticados contra amigos ou familiares, quando não são eles as próprias vítimas. Os números da criminalidade, em crescente alta, apontam para a necessidade de implantação de medidas eficazes no combate à violência, o que infelizmente não tem ocorrido. São mais de 1.500 mortes violentas desde o início do ano de 2017, e a média de roubos de carro tem superado a absurda marca de 20 veículos por dia – já foram mais de 5.000 nos últimos oito meses. Assaltos a bancos, carros-fortes e agências dos correios ultrapassam as 80 ocorrências. A OAB/RN há semanas tenta realizar um levantamento de dados no intuito de apresentar sugestões para o problema, mas o próprio Estado não possui o controle dos números, ou não os divulga, como por exemplo, qual o efetivo contingente da polícia militar que atua nas ruas de Natal e região metropolitana, com a indicação daqueles que estão nos quartéis em atividade administrativa(?). Das 1.500 mortes violentas no ano de 2017, somente 51% delas tem inquérito instaurado para apuração dos culpados, o que não se coaduna com a necessária e essencial aplicação da lei penal, impedindo que os criminosos responsáveis pelos assassinatos sejam sequer processados pela justiça. Ao mesmo tempo em que policiais civis e militares reclamam da falta de estrutura para trabalhar, o Governo apresenta números indicativos da realização de investimentos na área, apontando, no mínimo, para a falta de uma correta aplicação dos recursos, o que ganha importância maior diante da crise financeira que vivenciamos. Se houve investimentos, por que a violência toma conta de nossas ruas(?). A solução para o problema talvez esteja na resposta a essa indagação. Se existem dificuldades estruturais e financeiras, que se busquem soluções de gestão e estratégias eficazes de combate à criminalidade, pois a sociedade cansou do discurso reiterado da falta de dinheiro e de pessoal. A OAB/RN, mais uma vez, conclama para a união de esforços em torno do bem maior de todos, que é a vida de cada um de nós, e acredita na disposição da sociedade em contribuir para a solução do problema, mas é preciso que o Governo do Estado assuma o comando dessa luta e cumpra sua missão institucional de garantir a segurança dos cidadãos. Natal, 14 de agosto de 2017 ORDEM DOS ADVOGADOS DO BRASIL SECCIONAL RIO GRANDE DO NORTE
12 jul por João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Robinson Faria esclarece: “Meu Governo não fechará hospitais”

O governador Robinson Faria afirma veementemente que não permitirá o fechamento de hospitais regionais no seu governo e esclarece quais são as determinações da assinatura do Termo de Ajustamento de Conduta entre Governo do Estado e Ministério Público. "O TAC não determina o fechamento, mas um estudo de redefinição do perfil das unidades. Não vamos fechar", disse. Ele explica que, ao contrário, trabalha para recuperar e reabilitar os hospitais dentro da estratégia de regionalização do atendimento à saúde. "Estamos destinando mais de R$ 40 milhões para a reforma e reequipamento de sete hospitais regionais. Instalamos tomógrafo em Mossoró e Caicó e vamos instalar em Pau dos Ferros. Vamos investir R$ 100 milhões na construção do Hospital da Mulher em Mossoró, já em licitação. E estamos recuperando e reequipando 21 maternidades em diversos municípios. Isso tudo com recursos que conseguimos junto ao Banco Mundial", explica o governador.
× Fale no ZAP