Tag: drogas

25 fev por João Ricardo Correia Tags:, ,

Justiça do RN diminui pena de empresário de transportes envolvido em tráfico de drogas

Os desembargadores que integram o Tribunal Pleno do TJRN julgaram improcedente o pedido de Revisão Criminal nº 0800224-77.2017.8.20.0000, movido pela defesa de José Manoel Gonçalves Duarte, empresário que, ao lado de um dos motoristas de sua empresa e outra pessoa, foi condenado pelo delito de tráfico de drogas interestadual, previsto no artigo 33 e 40, inciso V, da Lei de Entorpecentes nº 11.343/2006. Com o julgamento da sessão, no dia 13, o colegiado da Corte potiguar manteve o argumento do Ministério Público, por meio do qual os envolvidos transportaram drogas entre estados do Nordeste. A pena foi reduzida de sete para cinco anos de reclusão, em regime inicialmente fechado.

O julgamento contou com o voto divergente do desembargador Saraiva Sobrinho, que motivou a redução na dosimetria da pena, acatada por maioria. A divergência considerou que, sendo o agente primário, detentor de bons antecedentes, não integrante de organização criminosa e comprovadamente possuidor de ocupação lícita (serviços transporte de cargas legais, contratados por terceiros), imperativa a aplicação da causa de diminuição prevista no artigo 33, da LAD, o que resultou na mudança de sete para cinco anos de reclusão, em regime inicial fechado.

Dentre as evidências, a decisão destaca que foi utilizada, no presente caso, prova emprestada do Departamento de Polícia Federal colhida a partir da “Operação Tríplice” e da “Operação Jumbo”, na qual o corréu Clidiano da Silva, conhecido como “Nego”, estava sendo investigado por sua atuação de traficância em nível internacional. “Isso porque o referido acusado, juntamente com Adjailson Alves da Silva, estava dirigindo o mesmo caminhão da transportadora de José Manoel Gonçalves Duarte, o qual continha os entorpecentes”, define a decisão.

14 fev por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Salada da sacanagem

Em Brasília, não se fala em outra coisa: que o PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro, teria feito uma munganga medonha para beneficiar uma "candidata laranja" em Pernambuco, com suspeita que uma dinheirama teria terminado com outro destino. Aí é um tal de desmentido, é filho do capitão tuitando sem parar, uma esculhambação.

No Porto de Natal, a Polícia Federal tem encontrado é muita cocaína em meio a frutas. A capital do RN "se consolida" na rota internacional do tráfico de drogas. Lá pelos anos 2000, teve uma "onda" do "jet coca" em Natal, com uma danação de figuras conhecidas suspeitas, era caminhonete preta sendo filmada perto da Ladeira do Sol... Faz tempo que a turma dá uma "cheiradinha".

Daqui a uns dias vai ter vereador, deputado, senador pedindo para instaurar CPI da Fruta, querendo saber quanto custou até as polpas para fazer os sucos que eles consomem nas reuniões. Sugestão: CPI do Cafezinho e CPI do Papel Higiênico, pois tem cada "cocô" sendo feito há tantos anos no Brasil.

Por João Ricardo Correia

14 dez por João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Polícia Civil prende universitário com ecstasy e anabolizantes em Natal

  Uma investigação conduzida pela Delegacia Especializada em Narcóticos (DENARC) resultou na prisão em flagrante, pelo crime de tráfico de drogas, do universitário João Victor Fernandes Castro, 20 anos, na manhã desta sexta-feira (14). O acusado foi preso em um apartamento, no bairro Lagoa Nova, com 33 comprimidos de ecstasy, duas cartelas de hormônio sintético, frascos e cartelas de anabolizantes. Os policiais civis cumpriram um mandado de busca e apreensão na residência. A Denarc começou a investigar o universitário no dia 28 de maio deste ano, após moradores do condomínio onde ele mora terem encontrado uma mochila perdida na área do prédio. Com o intuito de localizar o proprietário da mochila, ela foi aberta por responsáveis pelo prédio, os quais encontraram na bolsa 50 comprimido ecstasy, uma porção de skank, porções de maconha e haxixe, um triturador de ervas; balança de precisão e frascos de anabolizantes. A mochila foi entregue a Denarc e um inquérito policial foi instaurado. “Na manhã desta sexta-feira, nossa equipe cumpriu um mandado na casa de João Victor e conseguimos prendê-lo em flagrante pelo crime de tráfico de drogas. Destacamos que conseguimos apreender com o suspeito, drogas idênticas as que foram apreendidas em maio”, afirmou o delegado titular da Denarc, Ulisses de Souza. Além das drogas, os policiais civis também apreenderam com João Victor R$890,10; cinco aparelhos celulares; um tablet; um notebook; um HD portátil; quatro pen drives e uma balança de precisão. Fonte: Assessoria de Imprensa da Polícia Civil (Degepol)
29 nov por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Operação em Fortaleza prende 22 por tráfico de drogas

Vinte e duas pessoas foram presas hoje (29) na região metropolitana de Fortaleza acusadas de fazer parte de uma organização criminosa armada e de tráfico de drogas, associação para o tráfico de drogas e lavagem de dinheiro. As prisões fazem parte das ações da Operação Piranji, deflagrada pelo Ministério Público Estadual (MPCE) e pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Ceará (SSPDS). Os mandados de prisão preventiva foram cumpridos em Fortaleza e em mais cinco municípios da região metropolitana: Cascavel, Fortim, Horizonte, Itaitinga e Beberibe. Também foram cumpridos 22 mandados de busca e apreensão. A Operação Piranji é resultado de uma investigação que começou a partir do registro de homicídios cometidos por facções criminosas no litoral leste do Ceará. Durante a apuração, foram apreendidos cerca de 12 quilos de cocaína, 5 quilos de crack e 338 quilos de maconha, além de R$ 50 mil em dinheiro. Por Edwirges Nogueira – Repórter da Agência Brasil / Brasília
19 nov por João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Traficante Marcelo Piloto é extraditado do Paraguai para o Brasil

O brasileiro Marcelo Pinheiro Veiga, o Marcelo Piloto (FOTO), acusado de tráfico internacional, falsidade ideológica e homicídios, foi extraditado hoje (19) do Paraguai para o Brasil. Segundo a imprensa do Paraguai, ele deixou o país em uma aeronave do Grupo Aerotático da Força Aérea Paraguaia às 5h05. Marcelo Fernando Pinheiro Veiga, o Marcelo Piloto, é preso no Paraguai - Divulgação Polícia do Paraguai Traficante confesso, Marcelo Piloto fugiu do Brasil depois de ser condenado a 26 anos de reclusão. A extradição do brasileiro foi cercada de sigilo e segurança envolvendo três barcos de patrulha das Forças Operacionais Especiais de Polícia (FOPE), segundo a imprensa do Paraguai. No sábado (17), Marcelo Piloto esfaqueou 17 vezes na cela em que estava uma jovem, de 18 anos, que foi visitá-lo. Autoridades paraguaias acreditam que ele cometeu o assassinato na tentativa de evitar a extradição para o Brasil. Piloto foi preso na cidade de Encarnación, no Paraguai, em 2017, após a descoberta que estava usando documentos falsos. Por Agência Brasil / Brasília Foto: Divulgação/Polícia do Paraguai
18 ago por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Bandidos são flagrados com fuzis, pistolas, droga e coletes balísticos

Cinco bandidos fortemente armados foram presos na noite dessa sexta-feira (17) em um cerco montado pelas polícias Militares do Distrito Federal e de Goiás. Segundo o porta-voz da PM-DF, major Michello Bueno, com o bando, interceptado em Samambaia, cidade a 25 quilômetros do centro de Brasília, foram apreendidos 10 fuzis modelo AK-47 e HK, usados em ações terroristas, 10 pistolas, 21 carregadores de fuzil, oito carregadores de pistolas, munições variadas, além de crack, maconha, alicates de alta pressão, luvas e coletes à prova de bala. Eles seriam especializados em roubo de caixas eletrônicos e empresas de transporte de valores. Ainda segundo a Polícia Militar, no momento da prisão, três homens, duas mulheres e uma criança – de aproximadamente de dois anos – estavam em uma caminhonete blindada. “Eles se organizavam para aparentar ser uma família comum”, explicou Michello Bueno. Como os criminosos estavam com armamento importado e há suspeita de tráfico internacional de armas, eles foram encaminhados à Superintendência da Polícia Federal em Brasília, que investiga o caso. A criança foi encaminhada ao Conselho Tutelar. Por Karine Melo – Repórter da Agência Brasil / Brasília
23 out por João Ricardo Correia Tags:, , , , , , , , ,

Justiça mantém mãe e filhos presos por tráfico de drogas

  Uma decisão no TJRN, ao julgar Habeas Corpus negou o pedido para relaxamento de prisão de uma mulher, de 50 anos de idade, presa com seus filhos, por tráfico de drogas no interior do Estado. A prisão se deu nos autos da Ação Penal 0102950-47.2017.8.20.0103, pelo crime tipificado no artigo 33, da Lei 11.343/2006, a qual trata dos delitos que envolvem o tráfico de drogas. O julgamento manteve, desta forma, o que foi decidido pela Vara Criminal da Comarca de Currais Novos. A defesa, dentre outros pontos, sustentou ausência de embasamento legal para manutenção da custódia cautelar, além de alegar condições pessoais da acusada, como bons antecedentes, residência fixa. A saúde debilitada da presa também foi levantada como argumento para o pedido de HC.
5 set por João Ricardo Correia Tags:, , , , , ,

Operação das Polícias Civil e Militar prende sete e apreende quase um quilo de droga

Uma equipe de policiais civis da Delegacia Regional de Polícia (DRP) de Caicó e de policiais militares de Caicó deflagraram, na segunda-feira (04), uma operação com o objetivo de combater o tráfico de drogas na cidade. Os policiais deram cumprimento a quatro mandados de busca e apreensão, todos no Walfredo Gurgel, e dois mandados de prisão preventiva contra Hélio de Ângelis dos Santos e Joélio Carlos da Silva. No momento da prisão de Joélio Carlos, realizada em uma residência, também foram presas em flagrante outras cinco pessoas que estavam no local. Foram apreendidos na residência cocaína, maconha e crack, totalizando uma quantidade de quase um quilo de drogas, uma espingarda Winchester calibre .44, duas balanças de precisão, dinheiro fracionado e dois coletes balísticos. Foras presos na ocasião, além de Joélio Carlos, Vanildo Alexandre dos Santos, Andrielio Roges Soares Santos, Antônio Roberto Alves de Oliveira, Érica Raiane da Silva e Clarazete Fernandes. A equipe policial apreendeu em outro imóvel cinco munições calibre .38, sendo quatro deflagradas e uma intacta. A Operação é uma resposta policial contra o tráfico de drogas na região, outras ações em conjunto das polícias civil e militar terão continuidade para combater a prática deste tipo de crime. Os presos foram encaminhados ao sistema prisional onde aguardam a decisão da Justiça.   Fonte: Assessoria de Imprensa da Polícia Civil do RN (Degepol)
10 jul por João Ricardo Correia Tags:, , ,

Narcotráfico movimenta R$ 15,5 bilhões por ano no Brasil

O narcotráfico movimenta no Brasil em torno de R$ 15,5 bilhões ao ano, segundo levantamento da Consultoria Legislativa da Câmara de Deputados, divulgado agosto de 2016. Daí, tantas disputas entre os marginais que se autodenominam integrantes de facções que dominam quase a totalidade dos presídios brasileiros. O Anuário das Drogas da Organização das Nações Unidas (ONU), de 2016, mostra que à frente da Colômbia, do Equador, da República Dominicana e da Argentina, o Brasil foi o país mais frequentemente utilizado como base para envio de cocaína para a Europa, entre 2009 e 2014. Intimamente ligado ao narcotráfico está o tráfico de armas, que segue agindo com grande facilidade, diante da ineficiência do aparelho público de segurança do Brasil. Com informações do hojeemdia.com.br
5 jul por João Ricardo Correia Tags:,

Operação “Estufa”: mantida prisão de acusado de tráfico interestadual

A Câmara Criminal do TJRN, à unanimidade de votos, negaram o Habeas Corpus sem Liminar nº 2017.005897-9, movido pela defesa de Rafael Matte Norato, preso durante a chamada Operação “Estufa”, deflagrada pela Polícia Federal em março deste ano, no objetivo de desarticular uma organização criminosa de tráfico de drogas interestadual com projeção em pelo menos quatro estados do Nordeste: Pernambuco, Bahia, Paraíba e o Rio Grande do Norte. O acusado foi preso em um apartamento no bairro de Ponta Negra, zona Sul de Natal. Saiba mais: http://www.tjrn.jus.br/index.php/comunicacao/noticias/12409-operacao-estufa-mantida-prisao-de-acusado-de-trafico-interestadual
4 nov por João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

Operação da PF combate tráfico internacional de drogas

pf A Polícia Federal (PF) deflagrou hoje (4) de madrugada uma operação contra o tráfico internacional de drogas. O grupo é acusado de trazer drogas do Paraguai e distribuir em três estados - Goiás, Pará e Mato Grosso do Sul - e no Distrito Federal. A operação é considerada uma das maiores desenvolvidas pela PF nos últimos anos. Segundo a PF, uma das rotas do grupo era a região de fronteira de Pedro Juan Cabalero, no Paraguai. Foram apreendidas mais de 10 toneladas de drogas, armas de grosso calibre e carros de luxo.
13 fev por João Ricardo Correia Tags:, , , , , ,

Três morrem e cinco são presos após tiroteio com PMs em Felipe Camarão

FELIPECAMARAO1_CEDIDA Policiais da Força Tática do 9º Batalhão de Polícia Militar (9º BPM) prenderam na manhã deste sábado (13), na zona Oeste de Natal, cinco pessoas suspeitas de envolvimento com crime, apreenderam cinco armas de fogo, carregadores, munições, colete tático, drogas e dinheiro fracionado. Três marginais, que reagiram atirando contra os PMs, foram atingidos e morreram enquanto eram socorridos. Na primeira ação, a Força Tática fazia um patrulhamento de rotina, no bairro de Felipe Camarão, quando se deparou, na travessa Santa Isabel, com oito pessoas em atitude suspeita. Ao perceberem a presença da PM, o grupo reagiu a abordagem atirando contra a viatura. Os policiais responderam à agressão e no confronto dois suspeitos foram baleados e outros dois presos. Os demais fugiram por uma área de morro naquele local. Os suspeitos atingidos identificados por Bruno Souza Lima, de 23 anos, e Lucas Teixeira, de 22 anos, morreram a caminho do hospital. Com eles, a PM apreendeu quatro revólveres calibre 38, dois rádios comunicadores, colete tático, uma grande quantidade de maconha, crack e dinheiro fracionado proveniente da comercialização dos entorpecentes. FELIPECAMARAO2_CEDIDA Já na rua Padre João Maria, também em Felipe Camarão, a Força Tática do 9º BPM estava saturando a área, com as Rondas Ostensivas com Apoio de Motocicletas (Rocam), quando um adolescente de 15 anos atirou em direção aos policiais que, novamente, reagiram a agressão, conseguindo neutralizá-lo. O infrator morreu no local. Com ele a PM apreendeu um arma 9 mm e três carregadores .40 municiados e drogas. Outras três pessoas, sendo duas mulheres e um homem, todos com passagem pela Polícia, foram detidos na mesma ocorrência. A PM suspeita que todos os envolvidos nas ações desta manhã, na zona Oeste, tenha ligação entre si e façam parte de uma mesma quadrilha que é apontada como responsável pelo tráfico de drogas no bairro de Felipe Camarão e são suspeitos de cometerem vários assaltos na zona Sul e Oeste de Natal.  

ATENÇÃO, ABAIXO, IMAGENS FORTES DE DOIS CADÁVERES!

    FELIPECAMARAOBANDIDO1_CEDIDA FELIPECAMARAOBANDIDO2_CEDIDA Com informações da Assessoria de Imprensa da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social Fotos: cedidas
23 dez por João Ricardo Correia Tags:, , , ,

Polícia Civil prende casal suspeito de tráfico de drogas em Ponta Negra

DROGAS15DP1_DEGEPOL Uma investigação comandada pela 15ª Delegacia de Polícia Civil resultou na prisão do casal Luciano Leonardo Gomes, vulgo “Foguinho”, de 27 anos, e Geany Maria da Costa, de 28 anos, nesta quarta-feira (23). Eles foram detidos quando estavam na Vila de Ponta Negra, em cumprimento a mandados de prisão que foram expedidos pela Justiça, por serem suspeitos pela prática do crime de tráfico de drogas na zona Sul de Natal. O casal estava com 100 trouxinhas de maconha e uma barra da mesma droga, 173 pedras de crack, 19 porções pequenas de cocaína, sacos para embalagem da droga e R$ 6.907,45 reais em dinheiro fracionado.   Fonte: Assessoria de Imprensa da Polícia Civil (Degepol)
24 out por João Ricardo Correia Tags:, , , , , ,

Droga no helicóptero: Aécio queria explicações sobre mensagem de comunista

AECIONEVES_PORTALDENOTICIAS O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal (STF), julgou inadmissível interpelação judicial por meio da qual o senador Aécio Neves (PSDB-MG) pedia explicações à deputada federal Jandira Feghali (PCdoB-RJ) acerca de postagem feita por ela no Twitter em maio deste ano. Ao negar seguimento à Ação Cautelar (AC) 3883, o decano do STF explicou que a interpelação judicial apresenta caráter instrumental, destinada ao esclarecimento de situações revestidas de dubiedade, equivocidade ou ambiguidade, conforme prevê o artigo 144 do Código Penal, “em ordem a viabilizar, tais sejam os esclarecimentos eventualmente prestados, a instauração de processo penal de conhecimento tendente à obtenção de um provimento condenatório”. No caso em análise, o relator verificou que não é cabível o pedido de explicações de Aécio Neves por ausência de seus requisitos, uma vez que a “leitura das afirmações atribuídas à interpelanda [deputada] não permite qualquer dúvida em torno do real destinatário da manifestação alegadamente ofensiva”, o que afasta a possibilidade de interpelação judicial segundo inúmeros precedentes do STF. O ministro também destacou a inviabilidade do pedido em razão da imunidade parlamentar material, já que se trata de manifestação de membro do Congresso Nacional proferida em meios de comunicação social (Twitter). Segundo ele, a garantia prevista no artigo 53, caput, da Constituição Federal, não sofre limitações em decorrência do espaço em que o comentário foi proferido. “É irrelevante, por isso mesmo, para efeito de legítima invocação da imunidade parlamentar material, que o ato por ela amparado tenha ocorrido, ou não, na sede, ou em instalações, ou perante órgãos do Congresso Nacional”, afirmou. Para o ministro, a cláusula constitucional revela a preocupação do constituinte em garantir efetiva proteção ao parlamentar, permitindo-lhe, no desempenho de suas funções, “o amplo exercício da liberdade de expressão, qualquer que seja o âmbito espacial em que concretamente se manifeste, ainda que fora do recinto da própria Casa Legislativa, desde que as declarações emanadas do membro do Poder Legislativo – quando pronunciadas fora do Parlamento – guardem conexão com o desempenho do mandato”. O ministro Celso de Mello destacou, ainda, que a garantia constitucional da imunidade parlamentar protege as entrevistas jornalísticas; a transmissão, para a imprensa, do conteúdo de pronunciamentos ou de relatórios produzidos nas Casas Legislativas; bem assim as declarações veiculadas por intermédio dos "mass media" (meios de comunicação de massa) ou dos “social media” (mídias sociais). Isto porque o Supremo tem reafirmado a importância do debate, pela mídia, das questões políticas protagonizadas pelos detentores de mandato. “Vê-se, portanto, que se revela incabível, na espécie, também por esse outro fundamento, a interpelação judicial contra a ora interpelanda [Jandira Feghali], eis que a declaração por ela feita no meio de comunicação social em questão (Twitter) acha-se amparada pela cláusula constitucional da imunidade parlamentar em sentido material”, concluiu o relator. O ministro Celso de Mello enfatizou, nessa decisão, que não se admitirá a interpelação judicial fundada no artigo 144 do Código Penal nas hipóteses em que incidir, em favor de qualquer congressista, a cláusula constitucional da imunidade parlamentar material. Caso O senador Aécio Neves pretendia obter explicações da deputada federal Jandira Feghali acerca de comentário postado por ela em sua conta no Twitter. A declaração, de 19 de maio deste ano, dizia: “Aécio, o Brasil precisa saber de um helicóptero repleto de drogas” e fazia referência a helicóptero carregado de drogas apreendido em Minas Gerais há cerca de dois anos. Segundo o pedido, a frase comporta interpretações diversas, podendo, conforme a convicção de cada pessoa, especialmente da própria deputada, significar a prática de crimes contra a honra do senador.   Fonte: Portal do STF Foto: Portal de Notícias
9 set por João Ricardo Correia Tags:, , , , ,

STF retoma julgamento sobre criminalização do porte de drogas

DROGA1 O Supremo Tribunal Federal (STF) deve retomar hoje (9) o julgamento sobre a constitucionalidade da criminalização do porte de drogas. Os ministros discutem se a criminalização, prevista na Lei de Drogas, fere o direito à vida privada. O julgamento será retomado com o voto-vista do ministro Edson Fachin. O julgamento conta um voto a favor da descriminalização do porte, proferido no dia 20 de agosto pelo relator, ministro Gilmar Mendes. Para Mendes, o porte de entorpecentes não pode receber tratamento criminal, por ofender a vida privada dos cidadãos. Segundo o  ministro, embora a norma trate de maneira distinta usuários e traficantes, na prática a Lei de Drogas, na maioria dos casos de prisão, trata a todos como traficantes. Além disso, ele entende que é preocupante deixar exclusivamente aos policiais a distinção entre os dois casos, sem critérios claros estabelecidos na legislação. Se a maioria dos ministros seguir o relator, quem portar drogas não poderá ser preso, exceto se o policial entender que a situação configura tráfico de drogas. Em casos de dúvida sobre a situação, o preso deverá ser apresentado imediatamente ao juiz, que decidirá pelo enquadramento como uso ou tráfico de entorpecentes. O julgamento vai prosseguir com os votos dos ministros Edson Fachin, Luís Roberto Barroso, Teori Zavascki, Luiz Fux, Dias Toffoli, Cármen Lúcia, Marco Aurélio, Celso de Mello e o presidente do STF, Ricardo Lewandowski. A descriminalização é julgada no recurso de um ex-preso, condenado a dois meses de prestação de serviços à comunidade por porte de maconha. A droga foi encontrada na cela do detento. No recurso, a Defensoria Pública de São Paulo diz que o porte de drogas, tipificado no Artigo 28 da Lei de Drogas (Lei 11.343/2006), não pode ser configurado crime, por não gerar conduta lesiva a terceiros. Além disso, os defensores afirmam que a tipificação ofende os princípios constitucionais da intimidade e a liberdade individual.   Fonte: Agência Brasil
× Fale no ZAP